Revista de Ciências Humanas: Notícias https://periodicos.ufv.br/RCH <p>A<strong> Revista de Ciências Humanas</strong>, do Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes da Universidade Federal de Viçosa, editada desde 2001, é publicação semestral, com ênfase multidisciplinar. Tem como objetivo publicar trabalhos teóricos, práticos e de pesquisas desenvolvidos nas áreas de ciências humanas e sociais. Seu público são estudantes, professores, pesquisadores dessas áreas e o público em geral que se interesse pelas temáticas de sua cobertura.&nbsp;</p> pt-BR Abertura de nova chamada para publicação de artigos - Dossiê Educação Infantil https://periodicos.ufv.br/RCH/announcement/view/88 <p>O dossiê n. 1 de 2020 da Revista de Ciências Humanas será dedicado à publicação de artigos científicos originais que abordem temas vinculados à Educação Infantil, que apresentem resultados parciais ou finais de pesquisas na área.</p> <p>O objetivo do Dossiê Educação Infantil é reunir trabalhos que possam contribuir para a divulgação, reflexão e consolidação das pesquisas desenvolvidas na área a partir de diferentes contextos e perspectivas teórico-metodológicas.</p> <p>Disseminar conhecimentos científicos na área de Educação Infantil, além de fomentar e divulgar as pesquisas produzidas na área, contribui para o debate relativo aos problemas e avanços da Educação Infantil no Brasil.</p> <p>&nbsp;</p> <p>Prazo para recebimento de artigos: Até 30/08/2020</p> <p>Previsão de publicação do dossiê: 10/11/2020</p> <p>Para maiores informações sobre cadastro, acesse este <a href="https://periodicos.ufv.br/RCH/user/register">link</a>. É necessário cadastrar-se na plataforma da revista para submeter artigos. Quaisquer dúvidas podem ser encaminhadas para o e-mail reviscch@ufv.br</p> <p>&nbsp;</p> Revista de Ciências Humanas 2020-07-10 ABERTURA DE NOVA CHAMADA PARA SUBMISSÃO DE TRABALHOS https://periodicos.ufv.br/RCH/announcement/view/62 <div>O XVII Congresso da Associação Brasileira de Estudos do Quaternário (ABEQUA) foi realizado na Universidade Federal de Viçosa (UFV) entre 20 e 26 de julho de 2019, com palestras, minicursos e mesas redondas sobre as dinâmicas ambientais do quaternário.</div><div>O evento reuniu pesquisadores, professores e estudantes de graduação e pós-graduação, além de gestores públicos e representantes de organizações não-governamentais ligados à área. </div><div>Os trabalhos produzidos por ocasião do evento farão parte de um dossiê especial da Revista de Ciências Humanas, a partir de uma seleção dos melhores artigos. As temáticas preferenciais são as mesmas que orientaram o congresso: Antropoceno e Tecnógeno, Arqueologia, Geotecnologias aplicadas ao estudo do Quaternário, Grupo Barreiras e Depósitos Neógeno, Mudanças (Paleo) Climáticas, Paleontologia, Paleobotânica e Palinologia, Quaternário Continental, Quaternário Costeiro e Quaternário Marinho.</div><div> </div><div>O prazo para submissão de artigos é até o dia 22 de novembro.</div><div> </div><div>Organizador: André Luiz Lopes de Faria</div> Revista de Ciências Humanas 2019-10-22 ABERTURA DE NOVA CHAMADA PARA A PUBLICAÇÃO DE ARTIGOS https://periodicos.ufv.br/RCH/announcement/view/54 <p align="justify">O dossiê do Vol. 1, nº 19 – Janeiro/Junho de 2019 da Revista de Ciências Humanas (Qualis B2 na área de Linguística e Literatura no atual quadriênio – ISSN 1519-1974) é dedicado às relações transversais entre Literatura e Sociedades Distópicas, tema de fundamental importância para a compreensão de questões econômicas, políticas, sociais e/ou estéticas que examinem o funcionamento dos espaços e dos processos de interação e convivência no mundo, em diferentes épocas, línguas e culturas.</p><p align="justify">Partindo do evento de extensão intitulado “Da cidade antiga à contemporânea: sujeitos e espaços de (in)tolerância”, desenvolvido no Departamento de Letras (DLA) de março a junho de 2019, e que abordou autores como Homero (“Ilíada”), Sófocles (“Antígona”), Platão (“República”), Virgílio (“Eneida”), Machado de Assis (“O Alienista”), George Orwell (“1984”) e José Saramago (“Ensaio sobre a Cegueira”), o presente dossiê pretende acolher trabalhos que, partindo de obra(s) de autor(es) literário(s), dialoguem com as temáticas plurais desenvolvidas em torno dos escopos do evento realizado.</p><p align="justify"> </p><p align="justify">Organizadores: Edson Ferreira Martins (DLA/UFV) e Adélcio Sousa Cruz (DLA/UFV)</p><p align="justify">Data limite para submissão: 21/10/2019.</p><p align="justify"> </p> Revista de Ciências Humanas 2019-08-07 Abertura de nova chamada para a publicação de artigos https://periodicos.ufv.br/RCH/announcement/view/51 <p>O dossiê do Vol. 18, no 2 – Julho/Dezembro de 2018 da multidisciplinar Revista de Ciências Humanas (Qualis B2 na área de Linguística e Literatura no atual quadriênio – ISSN 1519-1974,) será dedicado à publicação de artigos científicos da área da tradução, interpretação e guia-interpretação de Línguas de Sinais que abordem resultados parciais ou finais de pesquisas sobre a atuação e formação desses profissionais em diversos contextos. <br /><br />O objetivo é reunir, pela primeira vez nesta Revista, um conjunto de trabalhos que contribuam para a expansão e consolidação acadêmica e científica da área a partir de arcabouços e vertentes teóricas relacionadas, interdisciplinarmente, aos Estudos da Tradução e Interpretação.<br /><br />A Revista de Ciências Humanas, além do dossiê, recebe e publica em fluxo contínuo as seções “Estudos &amp; Debates” e “Resenhas”, que contemplam temas diversos.<br /><br />As normas editoriais para artigos e resenhas, assim como a forma de submissão podem ser consultadas no link “Submissões online” no menu “Submissões”.</p><p><span>Prazo para submissão: 22 de julho de 2019</span><br /><br />Organização: Michelle Nave Valadão<br />Eduardo Andrade Gomes</p> Revista de Ciências Humanas 2019-05-31 NOTA DE REPÚDIO AO CORTE ORÇAMENTÁRIO DO MEC https://periodicos.ufv.br/RCH/announcement/view/50 <p class="western" align="justify"><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span>No dia 26 de abril, o Presidente Jair Bolsonaro anunciou, pelo Twitter, que o novo ministro da Educação, Abraham Weintraub, "estuda descentralizar investimentos em faculdades de filosofia e sociologia (humanas)", com o objetivo de focar em áreas que gerem retorno imediato ao contribuinte. Em seguida, o Ministério da Educação (MEC) anunciou um corte geral de 30% nos orçamentos de todas as universidades federais. Contudo, ainda não está claro como seria feito o corte específico nas áreas de humanidades e ciências sociais.</span></span></p><p align="justify"> </p><p align="justify"><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span>É fato que os investimentos em educação e cultura têm sido um problema no país. Neste cenário, a perda de espaço das Ciências Humanas e Sociais, em relação às outras áreas, é significativa, inclusive em função de um discurso corrente de que as Humanas não produzem “tecnologias produtivas” que retornem, de imediato, à sociedade </span></span><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span>em forma de </span></span><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span>bens e serviços, pela ótica, óbvio, do mercado. É clara, para muitos de nós, a adoção de um modelo de educação mercantilista que prioriza a relação entre conhecimento, formação profissional e mercado para fins da promoção de bens e serviços. A importância das Ciências Humanas deve ser ressaltada permanentemente, e nesta crise da educação, o seu valor é inquestionável, pois é também papel de pesquisadores das Humanas compreender tal fenômeno, refletir sobre práticas pedagógicas, questionar a qualidade da educação ofertada, propor melhorias, enaltecer a cultura e a arte, dentre outras ações. Isso, em conjunto com as demais áreas. Essa reflexão crítica, que está no cerne das universidades públicas brasileiras, é importante </span></span><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span>sobretudo</span></span><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span> para que esta “crise” da educação não produza efeitos em outros setores.</span></span></p><p align="justify"> </p><p align="justify"><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span>As Ciências Humanas e Sociais estudam desde o pensamento humano a todos os fatores da organização social. Por isso, têm uma abrangência significativa, passando por áreas como filosofia, sociologia, educação, linguística, literatura, comunicação social, economia, administração, políticas sociais, políticas públicas, direito, geografia, história e arte, por exemplo. Oferecem uma formação que vai além daquela voltada para o trabalho produtivo. A área de Humanas busca desenvolver no estudante o senso crítico, para que atue compreendendo conceitos sobre ética e de forma consciente seus deveres e direitos – não só os seus, como das demais pessoas e do ambiente. Espera-se que a atuação do estudante da área de Humanas contribua com uma sociedade mais justa, democrática, emancipatória e respeitadora </span></span><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span>dos direitos humanos e preocupada com a preservação e proteção </span></span><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span>do meio ambiente. Daí a importância de outras áreas também estudarem os conteúdos que constituem o escopo das humanidades. Subjugar a importância dessas áreas é diminuir a existência da Ciência em si – basta lembrar que os filósofos da antiguidade também </span></span><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span>refletiram sobre as</span></span><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span> demais áreas do conhecimento. Desde a Antiguidade, a humanidade dispõe dessas ciências para tentar desvendar quem ela é, de onde veio e para onde vai.</span></span></p><p class="western" align="justify"> </p><p class="western" align="justify"><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span>Diante de um cenário político como </span></span><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span>o atual</span></span><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span>, sentimo-nos na obrigação de manifestar nossa indignação e disposição para lutar contra essas medidas que deixam claro o posicionamento ideológico e preconceituoso do atual governo. Afinal, os cursos de ciências sociais e humanas são os que mais concentram diversidade racial tanto em universidades públicas quanto privadas, segundo dados do Censo Nacional do Ensino Superior de 2017. O Brasil é reconhecido por suas cruéis desigualdades econômicas e sociais. Sabemos bem da dificuldade de muitos que, sempre frequentaram escolas públicas e tiveram que lutar muito para conquistar uma vaga numa universidade pública e de qualidade. </span></span></p><p align="justify"> </p><p align="justify"><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span>Na UFV - </span></span><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span>campus </span></span><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span>Viçosa há 16 cursos de graduação nas áreas das Ciências Humanas, Sociais, Letras e Artes, além de oito programas de mestrado e dois de doutorado, vinculados a 11 departamentos. Esses departamentos são responsáveis não apenas pela formação de profissionais qualificados; várias disciplinas são ministradas a estudantes de todas as áreas da Universidade. </span></span><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span>Além disso</span></span><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span>, os cursos e projetos realizam estudos que embasam políticas públicas, atividades recreativas, lúdicas e de formação humana e social em prol de Viçosa e região.</span></span></p><p align="justify"> </p><p align="justify"><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span>O CCH sempre atuou em prol do desenvolvimento </span></span><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span>intelectual e crítica</span></span><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span> de nossos alunos. Falar do conceito de cidadania se faz necessário nesse momento especialmente conturbado pelo qual passamos. Como não expressar </span></span><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span>nosso direito de nos manifestarmos </span></span><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span>diante d</span></span><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span>os</span></span><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span> trágic</span></span><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span>o</span></span><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span>s, polêmic</span></span><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span>o</span></span><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span>s e vergonhosos discursos produzidos por aqueles que assumiram as mais altas instâncias governamentais? Como não ser (ou fazer) política neste cenário? Como não consolidar e defender a </span></span><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span><em>RES PUBLICA</em></span></span><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span>?</span></span><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span> O CCH entende que muitos serão os desafios, mas </span></span><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span>estaremos sempre</span></span><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span> atento</span></span><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span>s</span></span><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span> e forte</span></span><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span>s,</span></span><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span> questionando e resistindo sempre aos discursos simplistas e rasos usados para justificar a desigualdade, a violência e nos levar à resignação. </span></span></p><p align="justify"> </p><p align="center"><span style="font-family: Arial, sans-serif;"><span><strong>Conselho Departamental e Câmara de Ensino do Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes - CCH</strong></span></span></p> Revista de Ciências Humanas 2019-05-15 Museu da Comunicação realiza exposição sobre tradições culturais brasileiras https://periodicos.ufv.br/RCH/announcement/view/49 <p>A mostra, composta por obras de diversos fotógrafos, retrata múltiplas manifestações culturais brasileiras tradicionais que são passadas de geração em geração e que preservam uma importante parte do nosso passado e nossa história cultural. A mostra faz parte da 17ª Semana Nacional de Museus e sua abertura acontece às 16h do dia 14 de maio, terça-feira.</p><p>A visitação acontece de segunda a sexta, de 8h às 12h e de 14h às 18h.</p><p>Para mais informações, entrar em contato.</p><p><strong>Serviço:</strong></p><p>Museu da Comunicação</p><p>E-mail: <a href="mailto:museudacomunicacaoufv@gmail.com">museudacomunicacaoufv@gmail.com</a></p><p>Facebook: <a href="http://fb.com/museudacomunicacaoufv" data-saferedirecturl="https://www.google.com/url?q=http://fb.com/museudacomunicacaoufv&amp;source=gmail&amp;ust=1557922006487000&amp;usg=AFQjCNGKCYD4EevKPGtLiDL645bt6XEgTA">fb.com/museudacomunicacaoufv</a></p><p>Instagram: @museudacomufv</p><p>Telefone: (31) 3899-2093</p><p> </p><p><img src="/ojs/public/site/images/luizapacheco/Exposição_sobre_tradições_culturais_MCM.jpg" alt="" /></p> Revista de Ciências Humanas 2019-05-14 Arquivo Central e Histórico da UFV disponibiliza coleção do jornal "O Bonde" para a comunidade https://periodicos.ufv.br/RCH/announcement/view/48 <p>O jornal <em>O Bonde </em>foi o primeiro periódico organizado pelos estudantes da Escola Superior de Agricultura e Veterinária (Esav), instituição que deu origem à Universidade. Sua coleção, com 237 edições publicadas entre 1945 e 1963, contém informações sobre a vida estudantil da época, relações sociais, manifestações, críticas, humor e reivindicações, entre outros assuntos. O material está disponível em <a href="http://atom.ufv.br/">atom.ufv.br</a>.</p><p>Vale pontuar que a plataforma AtoM, idealizada pelo Conselho Internacional de Arquivos, está sendo utilizada pela Universidade, assim como por instituições do mundo todo, para disponibilizar documentos na Internet e servir como ferramenta de pesquisa para a comunidade. A iniciativa local é do Arquivo Central e Histórico, em parceria com a Diretoria de Tecnologia da Informação. Assim, a UFV disponibiliza mais um serviço de acesso à informação e difusão da sua memória.</p> Revista de Ciências Humanas 2019-05-03 Abertura de chamada para publicação de artigos https://periodicos.ufv.br/RCH/announcement/view/35 <table id="announcementDescription" width="100%"><tbody><tr><td><p>Qualquer pessoa, seja ela vinculada ou não à Universidade Federal de Viçosa, poderá submeter artigos para publicação na Revista de Ciências Humanas que deverão ser inéditos.<br /><br />Os artigos obrigatoriamente devem estar relacionados com a temática "Português para Estrangeiros: Ensino, Pesquisa e Extensão" e enviados através do portal da Revista disponível no endereço www.periodicos.ufv.br/ojs/RCH/. </p><p>Os artigos devem ser enviados na seção "Artigos" no Passo 1 de submissão.</p><p><br />Os trabalhos devem atender às disposições especificadas pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) na NBR6022, para preparação de artigos em publicações periódicas; NBR6023, para elaboração das referências; NBR10520, para citações em documentos; NBR6028, para apresentação dos resumos; NBR14724 nos aspectos gráficos (imagens, figuras, tabelas e gráficos).<br /><br />Os artigos deverão estar em editor de texto Microsoft Office (.doc) ou Open Office (.odt) e ter a seguinte formatação:<br />. Entre 5 e 30 laudas no formato A4;<br />. Fonte Times New Roman. Para o corpo do texto tamanho 12, para as notas de rodapé tamanho 10 e entrelinhas 1,5;<br />. Margens superior e esquerda 3 cm, inferior e direita 2 cm;<br />. Alinhamento justificado e com numeração à direita, na parte inferior da página.</p><p>Os elementos pré-textuais deverão ser organizados na seguinte ordem:<br />· TÍTULO: SUBTÍTULO (se houver) em Português ou língua de origem;<br />· TÍTULO: SUBTÍTULO (se houver) em Inglês;<br />· RESUMO (limitado a 150 palavras);<br />· PALAVRAS-CHAVE (entre 3 e 5 palavras separadas por ponto);<br />· ABSTRACT (limitado a 150 palavras);<br />· KEYWORDS (entre 3 e 5 palavras separadas por ponto).<br /><br />Título em Inglês, abstract e keywords são de apresentação obrigatória.<br /><br />A revisão do texto, nos idiomas escritos, é de inteira responsabilidade dos autores e deve ser atestada através da transferência de documento comprobatório no passo TRANSFERÊNCIA DE DOCUMENTOS SUPLEMENTARES, não sendo permitido tradução automática. Caso seja identificada tradução automática, o artigo será rejeitado.<br /><br />Para citações, referências e outros procedimentos:<br />. As citações no corpo do texto deverão ser redigidas de acordo com a NBR10520, com o sistema autor-data;<br />. Citações diretas, literais ou textuais: Inseridas no texto: As citações breves(até três linhas) são incluídas no próprio texto, entre aspas. Citações com mais de três linhas, devem estar em parágrafo(s) destacado(s) do texto corrido (recuada para a linha do parágrafo na margem esquerda e margem direita igual à do texto), corpo 10, em espaçamento interlinear simples).<br />. Citações indiretas: A fonte também deverá ser citada (autor, data, página) dentro do próprio parágrafo em que estão expostas as ideias do autor ou ao final do mesmo sob forma de nota bibliográfica.<br /><br />O uso de notas de rodapé deve ser limitado ao mínimo indispensável.<br /><br />Ao final do texto será necessária a apresentação das referências, com indicação em ordem alfabética das fontes utilizadas pelo autor, alinhadas à esquerda com espaçamento simples e de acordo as especificações da NBR6023.<br /><br />Os campos com nome do autor ou autores, instituição a que encontra-se vinculado, endereço, telefone, e-mail e biografia são de preenchimento obrigatório e deverão ser inseridos somente no sistema, no passo INCLUSÃO DE METADADOS. O texto não poderá ter identificação.<br /><br />Serão permitidos, no máximo, 3 (três) autores por artigo.<br /><br />Uma vez aceito o trabalho, os autores receberão uma notificação e terão prazo de até 15 dias para devolvê-lo com as possíveis alterações que se façam necessárias.</p><p>Na impossibilidade de cumprir o prazo determinado, solicitamos que os autores entrem em contato com a Revista de Ciências Humanas pelo e-mail reviscch@ufv.br ou pelo telefone +55 31 3899 2167.<br /><br />Caso o artigo tenha recebido algum tipo de financiamento, os autores deverão indicar, por meio de nota de rodapé junto ao título do texto, em sua primeira página.<br /><br />Todas as diretrizes acima descritas são obrigatórias e o descumprimento acarretará na rejeição do manuscrito.<br /><br />Os artigos recebidos são submetidos a análise da Coordenação da Revista quanto à linha editorial e sua adequação aos critérios constantes na chamada. Sendo o trabalho considerado como relevante para a comunidade e atendidos os critérios, os manuscritos serão encaminhados para o processo de avaliação pelos pares.<br /><br />A seleção dos trabalhos para publicação é de competência do Conselho Editorial da Revista, que selecionará os que forem considerados como expressivos para os profissionais das áreas contempladas, em particular para os leitores do periódico, e atendem aos requisitos da CAPES. A aprovação do manuscrito não é garantia de sua publicação.<br /><br />A Comissão da Revista é soberana quanto à seleção e o aceite dos trabalhos e reserva-se o direito de recusar aqueles cujas solicitações dos pareceristas não foram atendidas.<br /><br />A Revista reserva-se no direito de efetuar, no artigo publicado, alterações de ordem normativa, ortográfica e gramatical, com vistas a manter o padrão culto da língua, respeitando o estilo dos autores.<br /><br />Não serão devidos direitos autorais ou qualquer remuneração pela publicação dos trabalhos na Revista.</p><p> </p><p><img src="/ojs/public/site/images/luizapacheco/Chamada_Português_Idalena.png" alt="" /><br /><br /></p><div> </div></td></tr></tbody></table> Revista de Ciências Humanas 2019-01-23