DESEMPENHO AGRONÔMICO DE VARIEDADES DE MILHOS CRIOULOS CULTIVADOS NO VALE DO JEQUITINHONHA

Edelço Aparecida Saraiva, Amanda Gonçalves Guimarães, Josimar Rodrigues Oliveira, Natália Oliveira Silva, Leticia Lopes de Oliveira, Andreza Aparecida Alves Campos, Leandra Cardoso Moreira, Márcia Regina da Costa

Resumo


A cultura do milho é uma das principais no cenário econômico agrícola brasileiro. Seu cultivo pode ser realizado por genótipos comerciais e locais, conforme o perfil de agricultura desenvolvido em cada região. O objetivo este trabalho foi avaliar o desempenho agronômico e caracterizar por meio de alguns descritores, genótipos de milho crioulo, variedades melhoradas e comerciais para o cultivo em Couto de Magalhães de Minas-MG. O experimento foi conduzido na Fazenda Experimental Rio Manso, da UFVJM, durante a safra 2017/18.  Foram estudadas seis variedades de milho crioulo, duas variedades melhoradas e duas variedades comerciais. As características avaliadas foram: tombamento, prolificidade, caracterização de espigas e grãos, bem como a produtividade de espigas e grãos. Os genótipos de milhos crioulos CR3, CR4 e CR6, oriundos de agricultores familiares locais que integram o Projeto Milho Crioulo, a variedade de população aberta Piranão e a variedade comercial UFVM 200 apresentaram produtividade de grãos satisfatória para a região.


Palavras-chave


Agricultura familiar; baixo nível tecnológico; variedades tradicionais; Zea mays L.

Texto completo:

PDF

Referências


ABREU, L.; CANSI, E.; JURIATTI, C. Avaliação do rendimento sócio-econômico de variedades crioulas e híbridos comerciais de milho na microrregião de Chapecó. Revista Brasileira de Agroecologia, v.2, n.1, p.1230-1233, 2007.

ARAÚJO, A.V.; BRANDÃO JUNIOR, D.S.; FERREIRA, I.C.P.V.; COSTA, C.A.; PORTO, B.B.A. Desempenho agronômico de variedades crioulas e híbridos de milho cultivados em diferentes sistemas de manejo. Revista Ciência Agronômica, v. 44, n. 4, p. 885-892, 2013.

BIANCHETTO, R.; FONTANIVE, D.E.; CEZIMBRA, J.C.G.; KRYNSKI, Â.M.; RAMIRES, M. F.; ANTONIOLLI, Z. I;, SOUZA, E. L. Desempenho agronômico de milho crioulo em diferentes níveis de adubação no Sul do Brasil. Revista Eletrônica Científica da UERGS, v.3, n.3, p. 528-545, 2017.

BORÉM, A; GALVÃO, J.C.C.; PIMENTEL, M.A. Milho: do plantio à colheita. In: BRESOLIN, M.; PONS, A. L. (Eds.) Botânica do milho. Viçosa: UFV, 2017. p. 69-72.

CLIMATE-DATA. Clima: Couto de Magalhães de Minas - MG. 2017. In: https://pt.climate-data.org/location/176215/ (acessado em 18 de Agosto. 2017).

CONAB. Companhia Nacional de Abastecimento. Levantamento da safra de grãos. 2017. In: https://www.conab.gov.br/info-agro/safras/graos/boletim-da-safra-de-graos?limitstart=0. (acessado em 30 Abril de 2018).

CONAB. Companhia Nacional de Abastecimento. Levantamento da safra de grãos. março-2014/2015, v.2, n.6, 2015.

CRUZ, J.C.; KONZEN, E.A.; PEREIRA FILHO, I.A.; MARRIEL, I.E.; CRUZ, I.; DUARTE, J.O.; OLIVEIRA, M.F.; ALVARENGA, R.C. Produção de milho orgânico na agricultura familiar. Circular técnica 81, p.17, 2006.

CRUZ, C.D.; REGAZZI, A.J.; CARNEIRO, P.C.S. Modelos biométricos aplicados ao melhoramento genético. Viçosa: UFV, 2012. 514p.

CRUZ, C.D. Genes: a software package for analysis in experimental statistics and quantitative genetics. Acta Scientiarum Agronomy, v.35, n.3, p.271-276, 2013. http://dx.doi.org/10.4025/actasciagron.v35i3.21251.

EMBRAPA. Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária. Sistema brasileiro de classificação de solos. Brasília: UNB, 2013. 353p.

FANCELLI, A.L.; DOURADO NETO, D. Produção de milho. Guaíba: Agropecuária, 2000. 360p.

GOMES, L.S.; BRANDÃO, A. M.; BRITO, C.H.; MORAES, D.F.; LOPES, M.T. Resistência ao acamamento de plantas e ao quebramento do colmo em milho tropical. Pesquisa Agropecuária brasileira, Brasília, v.45, n.2, p.140-145, 2010. https://dx.doi.org/10.1590/S0100-204X2010000200004.

LOPES, S.J.; DAL’COLLÚCIO, A.; STORCK, L.; DAMO, H.P.; BRUM, B.; SANTOS, V.J. Relações de causa e efeito em espigas de milho relacionadas aos tipos de híbridos. Revista Ciência Rural, v.37, n.6, p.1536-1542, 2007. https://dx.doi.org/10.1590/S0103-84782007000600005.

PATERNIANI, E.; NASS, L.L.; SANTOS, M.X. O valor dos recursos genéticos de milho para o Brasil. In: UDRY, C.V.; DUARTE, W. Uma história brasileira do milho: o valor dos recursos genéticos. Brasília: Paralelo 15, 2000. p.11-41.

PEREIRA, V.R.F.; CHIODEROLI, C.A.; NASCIMENTO, E.M.S.; SANTOS, P.R. A.; ALBIERO, D.; SILVA, A.O.; SILVEIRA, W.M. Critical variables for estimating productivity in maize as a function of plant population and spacing. African Journal of Agricultural Research, v.13, n.35, p.1828-1836, 2018.

REIS, S.L. Desenvolvimento de genótipos de milho doce: Avaliação de genitores e híbridos. Tese (Doutorado em Genética e Melhoramento de Plantas). Campo dos Goytacazes, RJ: UENF, 2009. 76p.

ROSSET, S.J.; RAMPIN, L.; ECCO, M.; LANA, C.M.; SARTO, M.V.M.; KUHN, J.O. Comportamento de híbridos de milho segunda safra quanto à incidência de podridões na Região Oeste do Paraná. Scientia Agropecuaria, v.4, n.3, p.219-228, 2013.

SANGOI, L.; ENDER, M.; GUIDOLIN, A.F.; BOGO, A.; KOTHE, D.M. Incidência e severidade de doenças de quatro híbridos de milho cultivados em diferentes densidades de planta. Ciência Rural, Santa Maria, v.30, n.1, p.17-21, 2000. https://dx.doi.org/10.1590/S0103-84782000000100003.

SANTOS, C.S. Características nutricionais e físicas do milho com diferentes texturas e tempos de armazenamento. Tese (Doutorado em Ciência Animal). Goiana: UFG, 2015. 115p.

SILVEIRA, D.C; BONETTI, L.P.; TRAGNAGO, J.L.; NETO, N.; MONTEIRO, V. Caracterização agromofologica de variedades de milho crioulo (Zea mays l.) Na região noroeste do Rio Grande do Sul. Revista Ciência e Tecnologia, v.1, n.1, p.01-11, 2015a.

SILVEIRA, D. C.; BONETTI, L. P.; TRAGNAGO, J. L.; NETO, N. Produtividade e características de variedades de milho crioulo cultivadas na região noroeste do rio grande do sul. Agrarian academy, v.2, n.4, p. 60-69. 2015b. http://dx.doi.org/10.18677/Agrarian_Academy_018.

TIBÃES. E.S.R. Adubação de cobertura em milho crioulo roxo: nutrição e produtividade. Monografia (Conclusão de Curso em Agronomia). Diamantina: UFVJM, 2018. 28p.




DOI: https://doi.org/10.21206/rbas.v9i2.3535

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Revista Brasileira de Agropecuária Sustentável

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

ISSN Online 2236-9724, ISSN Impresso 2317-5818, ISSN Cd rom 2178-5317