Eficiência e Produtividade dos Gastos, Ações e Serviços de Saúde nos Municípios Mais Populosos do Ceará no Contexto da EC 95/2016

Autores

DOI:

https://doi.org/10.21118/apgs.v14i1.12697

Resumo

Objetivo da pesquisa: Analisar a eficiência e a produtividade dos gastos, ações e serviços de saúde nos municípios mais populosos do Ceará antes e depois da EC 95/2016.

Enquadramento teórico: O estudo aborda a destinação eficiente dos recursos da saúde, que tem se transformado em um desafio para os gestores municipais preocupados em alcançar a universalidade da assistência à população, sobretudo no contexto de crise econômica e de austeridade fiscal implementado pela EC 95/2016.

Metodologia: O estudo utiliza a Análise Envoltória de Dados (DEA) e o Índice de Produtividade Malmquist (IPM), usando o modelo BCC, orientados para output, para aferir eficiência e produtividade dos 36 municípios mais populosos do Ceará, com dados de 2015 a 2018.

Resultados: Depois da vigência da EC 95/2016 há maior quantidade de municípios eficientes e com maiores escores de eficiência, não sendo identificado correlação entre a eficiência e os indicadores PIB per capita e IEGM_Saúde. Ademais, houve aumento na produtividade total dos municípios nos anos depois da EC.

Originalidade: A pesquisa avalia a eficiência e a produtividade dos gastos com saúde nos municípios cearenses e correlaciona a eficiência com os indicadores PIB per capita e IEGM_Saúde, este último ainda não explorado por estudos anteriores. O artigo também contribui para subsidiar a elaboração das políticas públicas de saúde no Ceará, ao explorar a eficiência e a produtividade dos municípios no contexto da EC 95/2016.

Contribuições teóricas e práticas: Em termos teóricos, assinala-se que a EC 95/2016 afetou positivamente a eficiência e a produtividade dos gastos da saúde, entretanto há indicação de ocorrência de impactos negativos ao longo de sua vigência. Na prática, sinaliza-se que os municípios com melhor situação econômica, absorvida pelo PIB per capita, não são os mais eficientes na aplicação dos recursos em saúde, bem como os melhores IEGM_Saúde também não são.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Antonio Rafael Rafael Valério de Oliveira, Universidade Federal do Ceará

Mestre em Administração e Controladoria pela Universidade Federal do Ceará (UFC)

Servidor da Universidade Federal do Cariri (UFCA)

Samuel Cavalcante Mota , Universidade Federal do Ceará

Mestrando em Administração e Controladoria pela Universidade Federal do Ceará (UFC)

Alessandra Carvalho de Vasconcelos, Universidade Federal do Ceará - UFC

Doutora em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Catarina – UFSC e Professora Adjunta da Universidade Federal do Ceará - UFC

Downloads

Publicado

2022-01-08

Como Citar

Rafael Valério de Oliveira, A. ., Cavalcante Mota , S. ., & Vasconcelos, A. C. de. (2022). Eficiência e Produtividade dos Gastos, Ações e Serviços de Saúde nos Municípios Mais Populosos do Ceará no Contexto da EC 95/2016. Administração Pública E Gestão Social, 14(1). https://doi.org/10.21118/apgs.v14i1.12697

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)