O Controle Gerencial na Perspectiva do New Public Management: O Caso da Adoção do Balanced Scorecard na Receita Federal do Brasil

Autores

  • Fabiano Blonski Universidade Positivo
  • Rodolfo Coelho Prates Universidade Positivo
  • Mayla Costa Universidade Federal do Paraná
  • Fábio Vizeu

DOI:

https://doi.org/10.21118/apgs.v1i1.4912

Palavras-chave:

Administração Pública, New Public Management, Controle Gerencial, Balanced Scorecard

Resumo

As décadas de 1970 e 1980 do século passado viram o surgimento de uma onda de pensamento sobre Administração Pública voltado ao rompimento com a burocracia clássica e aproximação com conceitos da iniciativa privada, como uma resposta ao cenário de crise instalado em diversos países. Deste movimento surgiu o New Public Management, que influenciou largamente as reformas estruturais do Estado implementadas no Brasil durante os anos 1990. Destas reformas pretendeu-se consolidar um Estado que teria a eficiência como um de seus princípios fundamentais. Por outro lado, o movimento da reforma gerencial no Estado brasileiro também aproximou as organizações públicas dos modelos de management atualmente adotados pelas empresas capitalistas, como é o caso dos modelos de gestão estratégica. Dentre estes, certamente o Balanced Scorecard é um dos mais notórios, justamente por configurar-se como uma ferramenta de mensuração de desempenho capaz de dar conta das diferentes dimensões da atividade estatal que a tornam distinta do setor privado. Neste sentido, o Balanced Scorecard permite não apenas a mensuração do desempenho do Estado, mas também auxilia na elaboração e implementação de sua estratégia. Diante de tal contexto, o presente trabalho buscou, por meio de um estudo de caso na Receita Federal do Brasil, compreender como ocorre a Administração Estratégica no poder público federal brasileiro diante da combinação entre os preceitos do New Public Management e do Balanced Scorecard.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fabiano Blonski, Universidade Positivo

Mestre em Administração pela Universidade Positivo UP | Servidor Público Federal - Receita Federal do Brasil | R. João Negrão, 246 - 1º andar| Curitiba-PR|  Telefone: (41) 32213539 |

E-mail: fblonski@hotmail.com

Rodolfo Coelho Prates, Universidade Positivo

Doutor em Economia pela Universidade de São Paulo USP | Professor do Programa de Mestrado e Doutorado | Universidade Positivo UP | Av. Prof. Pedro Viriato Parigot de Souza, 5300 | Curitiba-PR| Telefone: (41) 33173103 | E-mail: rprates@up.com.br

Mayla Costa, Universidade Federal do Paraná

Doutora em Administração pela Universidade Positivo UP | Professor do Curso de Ciências Contábeis | Universidade Federal do Paraná UFPR | Avenida Prof. Lothário Meissner 632 | Curitiba-PR | Telefone: (41) 33604407 | E-mail: mayla.c.costa@gmail.com

Fábio Vizeu

Doutor em Administração pela Fundação Getulio Vargas de São Paulo FGV-SP | Professor do Programa de Pós-graduação em Administração | Universidade do Grande Rio | Rua da Lapa 86 | Rio de Janeiro-RJ | Telefone: (21) 23518804| E-mail: Fabio.vizeu@gmail.com

Referências

BRESSER PEREIRA, L. C. E YOSHIAKI N. The Missing Social Contract. In: Graciela Ducatenzeiler e Philip Oxhorn, orgs. (1987) What Kind of Democracy? What Kind of Market? Latin America in the Age of Neoliberalism. A ser publicado por Penn State University Press, 1977.
BRESSER-PEREIRA, L. C. Construindo o Estado Republicano. Rio de Janeiro: FGV, 2009.
CARTER, C.; STEWART, R.; KORNBERGER, M. Um livro bom, pequeno e acessível sobre estratégia. Tradução de Raul Rubenich. Porto Alegre: Bookman, 2010.SECRETARIA DE GESTÃO PÚBLICA. Boletim Estatístico de Pessoal - Agosto 2012. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. [S.l.]. 2012.
VIZEU, F.; GONÇALVES, S. A. Pensamento estratégico: origens, princípios e perspectivas. São Paulo: Atlas, 2010. 5-16 p.
YIN, R. Estudo de caso: planejamento e métodos. 3ª. ed. Porto Alegre: Bookman, 2005.

Downloads

Publicado

2017-01-01

Como Citar

Blonski, F., Coelho Prates, R., Costa, M., & Vizeu, F. (2017). O Controle Gerencial na Perspectiva do New Public Management: O Caso da Adoção do Balanced Scorecard na Receita Federal do Brasil. Administração Pública E Gestão Social, 1(1), 15-30. https://doi.org/10.21118/apgs.v1i1.4912

Edição

Seção

Artigos