DETERMINANTES DOS DESVIOS DE EXECUÇÃO DA POLÍTICA FISCAL NO BRASIL

  • Elaine Cristina de Piza Universidade Estadual de Maringá

Resumo

O objetivo deste artigo é analisar os determinantes dos desvios de execução orçamentária no Brasil, de 2002 a 2015, utilizando dados em tempo real, isto é, dados disponíveis aos policymakers quando as decisões de política fiscal são tomadas. Para isso, a análise econométrica buscou os fatores que influenciam na previsão de arrecadação e contribuem para os desvios de execução. Os resultados indicam que a previsão fiscal distanciou-se mais significativamente dos valores realizados a partir do ano de 2008 e que os desvios nas previsões dos fatores macroeconômicos, sobretudo na previsão de crescimento do PIB ajudam a explicar esse distanciamento.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2019-12-14
Como Citar
Piza, E. C. de. (2019). DETERMINANTES DOS DESVIOS DE EXECUÇÃO DA POLÍTICA FISCAL NO BRASIL. Revista De Economia E Agronegócio, 17(2), 210-233. https://doi.org/10.25070/rea.v17i2.7939
Seção
Edição Especial - Macroeconomia e Desenvolvimento