PRODUÇÃO DE MUDAS DE TOMATEIRO EM INOCULANTE FÚNGICO

Autores

DOI:

https://doi.org/10.21206/rbas.v11i1.11196

Palavras-chave:

Nutrição de plantas, germinação, Pycnoporus sanguineus

Resumo

O emprego de inoculantes fúngicos na produção de mudas de olerícolas é ainda pouco estudado. O objetivo deste trabalho foi avaliar a produção de mudas do tomateiro ‘Santa Clara i-5300’ em substrato inoculante de Pycnoporus sanguineus produzido em pó de coco suplementado com níveis de farelo de trigo e na mistura solo: inoculante. O delineamento experimental utilizado foi o inteiramente casualizado no esquema fatorial de 2 x 6 sendo constituído por dois substratos [inoculante fúngico (I) e mistura de solo: inoculante (S:I)] e seis níveis de farelo de trigo (0% – testemunha, sem colonização fúngica e 0, 5, 10, 20 e 30% com colonização fúngica) e quatro plantas por tratamento. A suplementação do inoculante fúngico com níveis de farelo de trigo reduz o período de colonização e aumenta a densidade micelial do P. sanguineus, o pH, o teor de nitrogênio e de fósforo após a completa colonização. A germinação do tomateiro é inibida pelo inoculante fúngico, mas a mistura do solo: inoculante fúngico favorece a germinação e o desenvolvimento das mudas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

David Patrick Almeida Correia, Universidade Federal de Sergipe

Graduando do curso de Engenharia Ambiental pela Universidade Federal de Sergipe

Igor Victor de Santana-Santos, Universidade Federal de Sergipe

Graduando de Engenharia Agronômica pela Universidade Federal de Sergipe

Idamar da Silva Lima, Universidade Federal de Sergipe

Engenheiro Agronômo, Mestre em Recursos Hídrido pela Universidade Federal de Sergipe

Kairon Rocha Andrade, Universidade Federal de Sergipe

Engenheiro Agrônomo, Mestre em Ciência do Solo pela Universidade Federal Rural de Pernambuco

Andréa Verônica Gobbi Barbosa, Universidade Federal de Sergipe

Biológa pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, mestre Ciências Biológicas - Botânica pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho e doutora em Ciências Biológicas - Genética pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

`Pedro Roberto Almeida Viégas, Universidade Federal de Sergipe

Professor Titular do Departamento de Engenharia Agronômica, Universidade Federal de Sergipe

Regina Helena Marino, Universidade Federal de Sergipe

Professora Associada II do Departamento de Engenharia Agrônomica, Universidade Federal de Sergipe

Downloads

Publicado

2021-05-30

Como Citar

Almeida Correia, D. P., Santana-Santos, I. V. de, da Silva Lima, I., Rocha Andrade, K., Gobbi Barbosa, A. V., Almeida Viégas, `Pedro R., & Marino, R. H. (2021). PRODUÇÃO DE MUDAS DE TOMATEIRO EM INOCULANTE FÚNGICO. Revista Brasileira De Agropecuária Sustentável, 11(1), 118-127. https://doi.org/10.21206/rbas.v11i1.11196