USO DO CALCÁRIO E DO GESSO AGRÍCOLA EM DUAS ÉPOCAS DE IMPLANTAÇÃO DO Coffea arabica L.

Autores

DOI:

https://doi.org/10.21206/rbas.v10i1.9940

Palavras-chave:

Alumínio, Correção do solo, Crescimento vegetativo, Temperatura

Resumo

O Brasil apresenta predominância de solos ácidos sendo necessário à sua correção para atenuar o efeito da acidez sobre as culturas agrícolas, em especial o café que é sensível ao pH baixo e a quantidade de cálcio no solo. Diante disso, o objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito da adição de diferentes doses de calcário e gesso agrícola e seus efeitos nas características agronômicas do cafeeiro em dois experimentos com época distinta de implantação da cultura. O delineamento experimental foi em blocos casualizados, com quatro repetições em esquema fatorial 4 x 4, onde o primeiro fator foi constituído por doses crescentes de calcário e o segundo por doses crescente de gesso. O primeiro experimento foi conduzido no período do inverno - verão e o segundo experimento no período da primavera – outono. As variáveis analisadas foram altura de planta (AP), diâmetro do caule (DC), índice de área foliar (IAF), matéria seca foliar (MSF), matéria seca radicular (MSR) e comprimento radicular (CR). Ao analisar as médias dos experimentos se observou que no experimento I, a AP apresentou valores superiores a do experimento II, com acréscimo de 1,84 cm nessa variável. Para as demais variáveis DC, IAF, MSF e MSR no experimento II alcançaram um incremento superior em relação ao experimento I na ordem de 0,4 mm, 9,08 cm2, 1,54 g, 4,12 g respectivamente. As doses de calcário e gesso agrícola não proporcionaram alterações das variáveis agronômicas em ambas às épocas avaliadas, durante o período de seis meses após transplantio.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2020-10-30

Como Citar

Costa, B. P., Duarte Júnior, J. B., de Moraes Rego, C. A. R., Costa, A. C. T. da, & Lana, M. do C. (2020). USO DO CALCÁRIO E DO GESSO AGRÍCOLA EM DUAS ÉPOCAS DE IMPLANTAÇÃO DO Coffea arabica L. Revista Brasileira De Agropecuária Sustentável, 10(1), 241-247. https://doi.org/10.21206/rbas.v10i1.9940