MERCADO DE TRABALHO DO AGRONEGÓCIO NO CENTRO-OESTE: A IMPORTÂNCIA DO SETOR PARA O DINAMISMO REGIONAL

  • Marcello Luiz de Souza Junior ESALQ/USP - Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" http://orcid.org/0000-0001-6039-0029
  • Nicole Rennó Castro Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz"/Esalq - Universidade de São Paulo/USP - Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (CEPEA/Esalq/USP) http://orcid.org/0000-0003-4768-8976
  • Leandro Gilio Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz"/Esalq - Universidade de São Paulo/USP - Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (CEPEA/Esalq/USP) http://orcid.org/0000-0002-9335-4419
  • Ana Carolina De Paula Morais Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz"/Esalq - Universidade de São Paulo/USP - Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (CEPEA/Esalq/USP) http://orcid.org/0000-0003-1215-5889
  • Geraldo Sant´Ana de Camargo Barros Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz"/Esalq - Universidade de São Paulo/USP - Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (CEPEA/Esalq/USP) http://orcid.org/0000-0002-2452-850X

Resumo

Este estudo objetiva mensurar e avaliar a importância do agronegócio para estados do Centro-Oeste brasileiro (exceto Distrito Federal) a partir do cálculo de indicadores de atividade econômica relacionados ao mercado de trabalho na região. A partir de dados disponibilizados pela Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD – Contínua) e a Relação Anual de Informações Sociais (RAIS) para os anos de 2012 a 2018, foi possível mensurar a participação do setor no total de ocupados em cada estado (Ipo), bem como a representatividade da massa salarial gerada no setor em relação ao somatório dos rendimentos obtidos nos estados em questão (Irend). Os resultados encontrados demonstram a relevância do agronegócio no mercado de trabalho do Centro-oeste, que representou 27,55% das ocupações existentes na região em 2018. O setor também foi responsável por 27,74% do total de salários recebidos nos estados da região no mesmo ano.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Geraldo Sant´Ana de Camargo Barros, Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz"/Esalq - Universidade de São Paulo/USP - Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (CEPEA/Esalq/USP)
PhD em Economia pela North Carolina State University. Coordenador científico do Cepea, Professor Sênior da Universidade de São Paulo.

Referências

BACHA, C.J.C. Economia e Política Agrícola no Brasil. Campinas: Alínea, 2018.

BARBOSA FILHO, F. de H.; PESSÔA, S. de A. Pessoal ocupado e jornada de trabalho: uma releitura da evolução da produtividade no Brasil. Revista Brasileira de Economia, v. 68, n. 2, p. 149-169, 2014

BARROS, G.S.A.C. Economia da Comercialização Agrícola. Cepea/LES-ESALQ/USP. Piracicaba, 2011, 221 p.

BARROS, G.S.C. Medindo o Crescimento do Agronegócio: Bonança Externa e Preços Relativos. In: VIEIRA-FILHO, J.E.R; GASQUES, J.G. Agricultura, transformação produtiva e sustentabilidade. Brasília: IPEA, 2016. Cap. 8, p. 219-250.

BEZERRA, L.M.C; CLEPS, J.J. O desenvolvimento agrícola da região Centro-Oeste e as transformações no espaço agrário do estado de Goiás. Caminhos de Geografia, v.2, p. 29-49, 2004.

BRASIL. Ministério do Trabalho e Educação-MTE. Relação anual de informações sociais. Brasília: MTE. Disponível em: < http://bi.mte.gov.br/bgcaged/login.php/>. Acesso em: 25 mar. 2019.

CASTRO, N.R. Two essays assessing the agribusiness labor market. 2018. Tese (Doutorado em Economia Aplicada) – Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, Piracicaba, 2018.

CASTRO, N. R.; BARROS, G. S. A. C.; ALMEIDA, A. N.; GILIO, L.; MORAIS, A. C. P. Mercado de trabalho e rendimentos no agronegócio de Minas Gerais. Revista de Economia e Agronegócio, v. 15, p. 387-405, 2017.

CEPEA - Centro De Estudos Avançados em Economia Aplicada. Metodologia - PIB do Agronegócio Brasileiro: Base e Evolução. Piracicaba, 2017. Disponível em:https://www.cepea.esalq.usp.br/upload/kceditor/files/Metodologia%20PIB_divulga%C3%A7%C3%A3o.pdf. Acesso em: 25 de março de 2019.

_______ Centro De Estudos Avançados em Economia Aplicada. Boletim Cepea Do Mercado De Trabalho. Piracicaba, V. 1, N.4, 2019.

_______ Centro De Estudos Avançados em Economia Aplicada. PIB do Agronegócio Brasileiro. Disponível em: https://www.cepea.esalq.usp.br/upload/kceditor/files/Cepea_PIB_2018_Mar19.pdf. Acesso em 25 de março de 2019.

CHADDAD, F. Economia e organização da Agricultura Brasileira. Rio de Janeiro: Elsevier, 2017.

CUNHA, J.M.P. Dinâmica migratória e o processo de ocupação do Centro-Oeste brasileiro: o caso de Mato Grosso. Revista Brasileira de Estudos de População, v. 23, n.1, p. 87-107, 2006.

FIGUEIREDO, A. M.; DOS SANTOS, M. L.; DE LIMA, J. F. Importância do Agronegócio para o Crescimento Econômico de Brasil e Estados Unidos. Gestão & Regionalidade, [S.l.], v. 28, n. 82, maio 2012.

FURTUOSO, M.C.O.; GUILHOTO, J.J.M. Estimativa e mensuração do produto interno bruto do agronegócio da economia brasileira, 1994 a 2000. Revista de Economia e Sociologia Rural, v. 41, n. 4, 2003.

GALINDO, O. & SANTOS, V. M. dos. Centro-Oeste: Evolução Recente da Economia Regional. In. AFONSO, R. B. A & SILVA, P.L. B. Federalismo no Brasil. Desigualdades regionais e desenvolvimento. São Paulo: Fundap/Edunesp, 1995.

IBGE - Instituto Brasileiro De Geografia E Estatística. Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua – Notas Metodológicas. Rio de Janeiro, 2014.

____ Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Microdados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) Contínua. Rio de Janeiro, IBGE, 2018.

____ Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Produção Agrícola Mensal. Rio de Janeiro, IBGE, 2018.

____ Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Pesquisa da Pecuária Mensal. Rio de Janeiro, IBGE, 2018.

____ Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Sistema de Contas Nacionais. Rio de Janeiro, IBGE, 2018.

____ Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Índice Nacional de Preço ao Consumidor Amplo (IPCA). Disponível em: https://www.ibge.gov.br/estatisticas-novoportal/economicas/precos-e-custos. Acesso em: 25 de março de 2019.

JANK, M. S.; NASSAR, A. M.; TACHINARDI, M. H. Agronegócio e comércio exterior brasileiro. Revista USP, n. 64, p. 14-27, 2005.

LOURENÇO, G.M; ROMERO, M. Indicadores econômicos. Economia Empresarial. Coleção Gestão Empresarial, Gazeta do Povo, p. 27-41, Curitiba, 2002.

MAIA, A.G.; SAKAMOTO, C.S. A nova configuração do mercado de trabalho agrícola brasileiro. In: BUAINAIN, A.M.; ALVES. E.; SILVEIRA, J.M.; NAVARRO, Z. O mundo rural no Brasil do século 21: a formação de um novo padrão agrário e agrícola. Brasília: Embrapa, 2014.Parte 4, capítulo 2, p. 559-590.

MIRAGAYA, J. F. G. O desempenho da economia na Região Centro-Oeste. In: CAVALCANTI, I. M. et al. (Org.). Um olhar territorial para o desenvolvimento: Centro-Oeste. Rio de Janeiro: BNDES, 2014. p. 424-452.

MORAIS, A. C. P.; CASTRO, N. R.; BARROS, G. S. C.; GILIO, L.; ALMEIDA, Alexandre Nunes de; OLIVEIRA, J. A. S. Mercado de trabalho do agronegócio nos estados brasileiros. Revista de Política Agrícola, 2019.

MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO – MAPA. Balança Comercial Brasileira e Balança Comercial do Agronegócio: 1997 a 2017. Disponível em <http://www.agricultura.gov.br/assuntos/relacoes-internacionais/documentos/estatisticas-do-agronegocio/SERIEHISTORICABCARESUMIDA19972017.xls>. Acesso em: 7 ago. 2018.

SILVA, A.F. Transferências interna e externa de renda do agronegócio brasileiro. 2010. Tese de Doutorado em Economia Aplicada. Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz. 2010.

SILVA, M.V.; NONNENBERG, M, B. A participação do agronegócio na economia brasileira-resultados para 1994/2003. XLV Congresso da Sober, “Conhecimentos para Agricultura do Futuro”, Londrina, Paraná, 2007, p. 1-21.

SQUEFF, G. C. Desindustrialização: luzes e sombras no debate brasileiro. Texto para Discussão, n. 1.747. Brasília: Ipea, 2012.

STATACORP. Stata Statistical Software: Release 14. College Station, Texas: StataCorp LP, 2015.

Publicado
2020-03-30
Como Citar
Souza Junior, M. L. de, Castro, N. R., Gilio, L., Morais, A. C. D. P., & Barros, G. S. de C. (2020). MERCADO DE TRABALHO DO AGRONEGÓCIO NO CENTRO-OESTE: A IMPORTÂNCIA DO SETOR PARA O DINAMISMO REGIONAL. Revista De Economia E Agronegócio, 18(1), 1-20. https://doi.org/10.25070/rea.v18i1.8426
Seção
Artigos