O magistério em educação de jovens e adultos na perspectiva do egresso do curso de pedagogia

  • Eduardo Antonio de Pontes Costa UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA
  • Severino Bezerra da Silva UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA
Palavras-chave: Pedagogia, Formação de Professores, EJA.

Resumo

Este artigo buscou problematizar as experiências da formação inicial, a partir do olhar do egresso do Curso de Pedagogia da UFPB, Campus João Pessoa, na área de aprofundamento Magistério em Educação de Jovens e Adultos. Baseada numa pesquisa quali-quanti, os dados apontam, de 2008 até 2013, para cento e noventa egressos na EJA. A pesquisa, de natureza quali-quanti, foi partilhada por email com cinquenta e três egressos, e norteada por quatro questões: a relação com a EJA; com a pedagogia, os componentes curriculares; e os efeitos destes no processo de formação. Os dados indicam para a não inserção profissional na EJA. Eles consideram os conteúdos curriculares significativos, e indicam para diálogos mais intensos com os estágios supervisionados, bem como com os conteúdos formadores ao longo da sua profissionalização. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Eduardo Antonio de Pontes Costa, UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA
Professor Adjunto do Departamento de Metodologia da Educação, do Centro de Educação.
Severino Bezerra da Silva, UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA
Professor Associado do Departamento de Metodologia da Educação, do Centro de Educação.
Publicado
2016-12-21
Como Citar
de Pontes Costa, E. A., & Bezerra da Silva, S. (2016). O magistério em educação de jovens e adultos na perspectiva do egresso do curso de pedagogia. Educação Em Perspectiva, 7(2). https://doi.org/10.22294/eduper/ppge/ufv.v7i2.678
Seção
Artigos