Aspectos das condições de trabalho docente nas escolas municipais de Guarulhos

  • Marieta Gouvêa de Oliveira Penna Universidade Federal de São Paulo
Palavras-chave: Condições de trabalho docente. Formação de professores. Carreira docente.

Resumo

Neste artigo analisa-se facetas das condições de trabalho de professores dos anos iniciais da educação básica de Guarulhos, com objetivo de refletir sobre a efetivação da docência. As informações foram extraídas de Banco de Dados construído a partir de respostas a questionário. Compreende-se as condições de trabalho do professor a partir de Oliveira e Assunção (2010). Sobre a docência e sua especificidade política e social, apoia-se em Contreras (2012). Foi possível evidenciar que a maioria dos docentes concluiu a educação básica em escolas públicas ou predominantemente públicas, e o ensino superior em instituições privadas, indicando possível fragilidade na formação. Sobre as condições de trabalho nas escolas, entre as questões que têm interferência negativa no trabalho, se destacaram o número excessivo de alunos por sala e a indisciplina, facetas relacionadas e que trazem consequências para o ensino. A pesquisa aponta para a necessidade da valorização profissional dos professores.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marieta Gouvêa de Oliveira Penna, Universidade Federal de São Paulo
Professora Adjunta do Departamento de Educação da Unifesp.

Referências

ALVES, Thiago; PINTO, José Marcelino de Rezende. Remuneração e características do trabalho docente no Brasil: um aporte. Cadernos de Pesquisa, São Paulo, v. 41, n. 143, p. 606-639, maio/ago. 2011. Disponível em: < http://www.scielo.br/pdf/cp/v41n143/
a14v41n143.pdf >. Acesso em: 20 ago. 2015.

AQUINO, Júlio Groppa. A indisciplina e a escola atual. Revista da Faculdade de Educação, São Paulo, v. 24, n. 2, p. 1-15, jul./dez. 1998.

AQUINO, Júlio Groppa. A violência escolar e a crise de autoridade docente. Cadernos Cedes, Campinas, Ano 19, n. 47, p. 7–19, dez. 1998b.

BELLO, Isabel Melero et al. Formação continuada e carreira docente: o município de Guarulhos em questão. In: V Congresso Ibero–Americano e VIII Congresso Luso-Brasileiro de Política e Administração da Educação, 2016, Goiânia. Política e Gestão da Educação: discursos globais e práticas locais. Goiânia: Anpae, 2016. v.41, p.1 – 15.

BONAMINO, Alicia; LIMA, Naira da Costa Muylaert. Aspectos da gestão escolar e seus efeitos no desempenho dos alunos nos anos iniciais do ensino fundamental. In: MARTINS, Ângela Maria et al. (Org.). Políticas e gestão da educação: desafios em tempos de mudanças. Campinas, SP: Autores Associados, p. 91-117, 2013.

BOURDIEU, Pierre; PASSERON, Jean-Claude. A reprodução: elementos para uma teoria do sistema de ensino. Trad. Reynaldo Bairão. 2. ed. Petrópolis/ RJ: Vozes, 2008. 275 p.

BRASIL. Constituição da República Federativa do Brasil de 1988. Disponível em: < http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicaocompilado.htm >. Acesso em: 10 mar. 2014.

BRASIL. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Disponível em: < http://portal.mec.gov.br/arquivos/pdf/ldb.pdf >. Acesso em: 10 mar. 2014.

BRASIL. Lei n. 11.494, de 20 de junho de 2007. Disponível em: gov.br/ccivil_03/_ato2007-2010/2007/lei/l11494.htm >. Acesso em 14 março 2014.

BRASIL. Lei n. 11. 738 de 16 de julho de 2008. Disponível em: gov.br/ccivil_03/_ato2007-2010/2008/lei/l11738.htm >. Acesso em: 17 mar. 2014.

BRASIL. Resolução nº 2, de 28/05/2009. Diretrizes Nacionais para os Planos de Carreira e Remuneração dos Profissionais do Magistério da Educação Básica Pública, 2009a. Disponível em: < http://portal.mec.gov.br/dmdocuments/resolucao_cne_ceb002_2009.pdf >. Acesso em: 17 mar. 2014.

BRASIL. Estudo Exploratório sobre o Professor Brasileiro: com base nos resultados do Censo Escolar da Educação Básica 2007. Brasília, 2009b. 64 p.

BRASIL. Parecer CNE/CEB. 08/2010. Estabelece normas para aplicação do inciso IX do artigo 4º da Lei nº 9.394/96 (LDB), que trata dos padrões mínimos de qualidade de ensino para a educação básica pública. Disponível em: option=com_docman&view=download&alias=5063-parecercne-seb8-2010&Itemid=30192 >. Acesso em: 11 set. 2017.

CARVALHO, José Sérgio Fonseca. O declínio do sentido público da educação. Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos, Brasília, v. 89, n. 223, p. 411-424, set./ dez. 2008. Disponível em: < http://rbep.inep.gov.br/index.php/RBEP/article/viewFile/1400/1375 >. Acesso em: 17 ago. 2015.

CENPEC. Educação em territórios de alta vulnerabilidade social na metrópole – Síntese das conclusões. São Paulo: CENPEC, 2011. 34 p.

CONTRERAS, José. A autonomia de professores. Trad. Sandra Trabucco Valenzuela. 2. ed., São Paulo: Cortez, 2012

DOURADO, Luiz Fernandes; OLIVEIRA, João Ferreira de. A qualidade da educação: perspectivas e desafios. Cadernos. Cedes. Campinas, v. 29, n. 78, p. 201-215, maio/ago. 2009. Disponível em: < http://www.scielo.br/pdf/ccedes/v29n78/v29n78a04 >. Acesso em: 20 ago. 2015.

GATTI, Bernadete Angelina; BARRETO, Elba de Sá. Professores do Brasil: impasses e desafios. Brasília: UNESCO. 2009. 293 p.

GATTI, Bernadete Angelina; BARRETO, Elba Siqueira de Sá; ANDRÉ, Marli Eliza Dalmazo de Afonso. Políticas Docentes no Brasil: um estado da arte. Brasília: UNESCO, 2011. 297 p.

GATTI, Bernadete Angelina; NUNES, Marina Muniz Rossa. (Org.). Formação de professores para o ensino fundamental: instituições formadoras e seus currículos. Relatório de pesquisa, v. 2, São Paulo: FCC; Fundação Victor Civita, 2008. 142 p.

GEPECSO. Pesquisa: Condições de trabalho e relações de classe dos docentes da rede básica de ensino no município de Guarulhos-SP. Guarulhos-SP: Universidade Federal de São Paulo, 2014.

GRIGOLI, Josefa Aparecida Gonçalves et al. A escola como lócus de formação docente: uma gestão bem-sucedida. Cadernos de Pesquisa, v. 40, n. 139, jan. /abr. 2010. Disponível em: . Acesso em: 20 ago. 2015.

LAVILLE, Christian; DIONE, Jean. A construção do saber: Manual de metodologia da pesquisa em ciências humanas. Trad. Heloísa Monteiro e Francisco Settineri. Porto Alegre: Artes Médicas Sul; Belo Horizonte: Editora UFMG, 1999.

LÜDKE, Menga; BOING, Luiz Alberto. Caminhos da profissão e da profissionalidade docentes. Educação e Sociedade, Campinas, v. 25, n. 89, p.159-1180, set./dez. 2004. Disponível em: < http://www.scielo.br/pdf/es/v25n89/22616 >. Acesso em: 20 ago. 2015.

MARIN, Alda Junqueira. Com o olhar nos professores: Desafios para o enfrentamento das realidades escolares. Cadernos Cedes, Campinas, v. 19, n. 44, p. 8-18, abr. 1998.

MARIN, Alda Junqueira. Manifestações de professores sobre alunos. In: FREITAS, Marcos Cezar de (Org.). Desigualdade social e diversidade cultural na infância e na juventude. São Paulo: Cortez, p. 285-300, 2006.

OLIVEIRA, Dalila Andrade; ASSUNÇÃO, Ada Ávila. Condições de trabalho docente (Verbete). In: OLIVEIRA, Dalila Andrade; DUARTE, Adriana Cancella; VIEIRA, Lívia Fraga. Dicionário: Trabalho, profissão e condição docente. Belo Horizonte: FEU/FMG, 2010 (CD-ROM).

PATTO, Maria Helena Souza. A produção do fracasso escolar. São Paulo: T. A. Queiroz: 1991. 385 p.

POPKEWITZ, Thomas S. Profissionalização e formação de professores: algumas notas sobre sua história, ideologia e potencial. In: NÓVOA, António. Os professores e sua formação. Lisboa: Dom Quixote/ Instituto de Inovação Educacional, p. 35- 50, 1995.

RODRIGUES, Ana Carolina Colacioppo. Formação de professores dos anos inicias da escolarização: um estudo da disciplina de Didática no curso de Pedagogia. 2014. 385 f. Tese (Doutorado em Educação) – Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2014.

SAMPAIO, Maria das Mercês Ferreira; MARIN, Alda. Junqueira. Precarização do trabalho docente e seus efeitos sobre as práticas curriculares. Educação e Sociedade - Dossiê globalização e educação: precarização do trabalho docente – II, Campinas, v. 25, n. 89, p. 1203-1225, set./dez. 2004. Disponível em: < http://www.scielo.br/pdf/es/v25n89/22618 >. Acesso em: 20 ago. 2015.

SILVA, Marcelo Soares da. Políticas de formação e valorização dos profissionais da Educação Básica em questão: contradições e inquietações. In: MARTINS, Ângela Maria et al. (Org.). Políticas e gestão da educação: desafios em tempos de mudanças. Campinas, SP: Autores Associados, p. 165-198, 2013.

SIMÕES, Carolina Zambotti. Condições de trabalho dos professores dos primeiros anos do ensino fundamental I em escolas municipais de Guarulhos e práticas pedagógicas. 97 f. Iniciação Científica. Universidade Federal de São Paulo, Guarulhos, 2013.

SINISCALCO, Maria Teresa. Perfil estatístico da profissão docente. São Paulo: Moderna, 2003. 166 p.

UNESCO. Perfil dos professores brasileiros: o que fazem, o que pensam, o que almejam. São Paulo: Moderna, 2004. 224 p.
Publicado
2017-09-22
Como Citar
Penna, M. G. de O. (2017). Aspectos das condições de trabalho docente nas escolas municipais de Guarulhos. Educação Em Perspectiva, 8(2), 198-214. https://doi.org/10.22294/eduper/ppge/ufv.v8i2.870
Seção
Artigos