Saberes da docência universitária na percepção de professores de ensino básico

  • Hamilton Perninck Vieira Universidade Estadual do Ceará
  • Jacques Therrien Universidade Estadual do Ceará
  • Francisco Mirtiel Frankson Moura Castro Universidade Estadual do Ceará
Palavras-chave: Saberes da docência universitária. Formação de professores. Ensino básico.

Resumo

O estudo discute percepções de professores de rede municipal pública de ensino fundamental sobre os saberes da docência universitária, explicitados na prática profissional de docentes de cursos de licenciatura. A metodologia adotada, pautada em abordagem qualitativa, foi promovida via pesquisa de campo e realizada com suporte em questionários semiestrutados. A amostra dos sujeitos foi composta de doze professores de uma escola da rede municipal de Fortaleza, Ceará, no ano de 2015. Os achados de pesquisa apontam que ser profissional da educação não se reduz ao domínio de uma área da Ciência, mas também requer conhecer os caminhos de mediação pedagógica deste saber junto aos educandos na relação entre a teoria e a prática. Para tanto, é salutar que o professor universitário tenha respaldo na realidade do ensino básico, a fim de que possa mediar a formação para a docência no contexto da práxis pedagógica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Hamilton Perninck Vieira, Universidade Estadual do Ceará
Mestre em Educação. Doutorando em Educação pelo Programa de Pós-Graduação da Universidade Estadual do Ceará Universidade Estadual do Ceará (PPGE-UECE). Professor pedagogo da Rede Municipal de Ensino de Fortaleza (Ceará).Pedagogo. Bacharel em Teologia. Especialista em Formação de Formadores.
Jacques Therrien, Universidade Estadual do Ceará
Doutor em Educação pela Cornell University (USA) com estágios pós-doutorais pela Université de Laval e pela Universitat de Valência. Mestre em Filosofia pela Université de Montréal.  Pedagogo pela Universidade Santa Úrsula. Graduação em Teologia Pastoral pelo Colégio Máximo Cristo Rei, Brasil.Professor aposentado da Universidade Federal do Ceará (UFC). Professor visitante do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Estadual do Ceará (PPGE-UECE).
Francisco Mirtiel Frankson Moura Castro, Universidade Estadual do Ceará
Mestre em Educação Brasileira (UFC). Doutorando pelo Programa de Pós-Graduação em Educação da Estadual do Ceará Universidade Estadual do Ceará (PPGE-UECE). Especialista em Gestão, Planejamento e Avaliação Escolar pelo Instituto Superior de Teologia Aplicada - INTA. Graduado em Pedagogia pela Universidade Estadual do Ceará (UECE), na Faculdade de Educação de Itapipoca (FACEDI). Licenciado em Geografia pela Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA). Professor efetivo da Universidade Estadual do Ceará  campus Itapipoca/CE, departamento de Métodos de estudos e pesquisas.

Referências

BOUFLEUER, José Pedro. Pedagogia da ação comunicativa: uma leitura de Habermas. 3. ed. Ijuí: Editora Unijuí, 2001.

BRANDÃO, Zaia; WARDE, Mirian Jorge; IANNI, Octávio. Universidade e Educação. Campinas, SP: Papirus, 1992.

BRASIL. Ministério da Educação. Conselho Nacional de Educação. Parecer CNE/CP n. 9, de 8 de maio de 2001. Diretrizes Curriculares Nacionais para a Formação de Professores da Educação Básica, em nível superior, Curso de Licenciatura, de graduação plena. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 18 jan. 2002.

CAVALCANTE, Maria Marina Dias; SILVA, Silvina Pimentel. Conhecimento, método e pesquisa bibliográfica: reflexões epistemológicas e metodológicas. In: FARIAS, Isabel Maria Sabino; NUNES, João Batista Carvalho (Org.). Pesquisa científica para iniciantes: caminhando no labirinto, Fortaleza: EdUECE, p. 67-77, 2010.

CUNHA, Maria Isabel da. Docência na universidade, cultura e avaliação institucional: saberes silenciados em questão. Revista Brasileira de Educação, v. 11, n. 32, maio/ago. p. 258-371, 2006.

D´ÁVILA, Cristina Maria; VEIGA, Ilma Passos Alencastro (Org.). Didática e docência na educação superior: implicações para a formação de professores. Campinas, SP: Papirus, 2012.

DESLANDES, Suely Ferreira. A construção do projeto de pesquisa. In: MINAYO, Maria Cecília de Souza (Org.). Pesquisa Social: teoria, método e criatividade. 14. ed. Petrópolis/RJ: Vozes, p. 31-50, 1994.

FORMOSINHO, João. (Coord.). Formação de professores: aprendizagem e acção docente. Porto: Porto Editora, 2009.

FRANCO, Maria Amélia Santoro. Pedagogia: ciência da educação. Campinas, SP: Papirus, 2003.

FREIRE, Paulo. Ação cultural para a liberdade. 5 ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1981.
FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. 34 ed. São Paulo: Paz e Terra, 1996.

FREIRE, Paulo. A Educação na cidade. 5 ed. São Paulo: Cortez, 2001.

FREIRE, Paulo. Professora sim, tia não. São Paulo: Olho D’ água, 2002.

FURLANETTO, Ecleide Cunico. Como nasce um professor? São Paulo: Paulus, 2003.

GAUTHIER, Clermont; MARTINEAU, Stéphane; DESBIENS, Jean-François; MALO, Annie; SIMARD, Denis. Por uma teoria da Pedagogia: pesquisas contemporâneas sobre o saber docente. Ijuí: Unijuí, 1998.

GHEDIN, Evandro; FRANCO, Maria Amélia Santoro. Questões de método na construção da pesquisa em educação. São Paulo: Cortez, 2011.

GIL, Antônio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. 4 ed. São Paulo: Atlas, 2002.

KUENZER, Acácia Zeneida. A pedagogia da fábrica: as relações de produção e a educação do trabalhador. São Paulo: Cortez, 1985.

LAKATOS, Eva Maria; MARCONI, Maria de Andrade. Fundamentos de metodologia científica. 5 ed. São Paulo: Atlas 2003.

MACHADO, Nilson José. As imagens do conhecimento e a ação docente no Ensino Superior. Cadernos de Pedagogia Universitária, São Paulo, v. 5, jun. 2008.

MANACORDA, Mario Alighiero. História da educação: da antiguidade aos nossos dias. 12 ed. São Paulo: Cortez, 2006.
MASETTO, Marcos Tarciso. Competência pedagógica do professor universitário. São Paulo: SUMMUS, 2003.

NÓVOA, António. [Palestra]. Desafios do trabalho do professor no mundo contemporâneo. SINPRO – SP: Sindicato dos Professores de São Paulo. São Paulo, jan. 2007.
PIMENTA, Selma Garrido. Formação de professores: saberes da docência e identidade do professor. Revista da Faculdade de Educação, São Paulo, v. 22, n. 2, p. 72-89, jul./dez., 1996.

PIMENTA, Selma Garrido.; ANASTASIOU, Léa das Graças Carmargos. Docência no Ensino Superior. São Paulo: Cortez, 2002. v. 1.

SANTOS, Boaventura de Sousa. A universidade no século XXI: para uma reforma democrática e emancipatória da universidade. 3 ed. São Paulo: Cortez, 2004.

SAVIANI, Dermeval. A pós-graduação em educação no Brasil: trajetória, situação atual e perspectivas. Revista Diálogo Educacional, v. 1, n. 1, p. 1-19, jan./jun., 2000.
TARDIF, Maurice. Saberes docentes e formação profissional. Petrópolis: Vozes, 2002.

THERRIEN, Jacques. Docência profissional: a prática de uma racionalidade pedagógica em tempos de emancipação de sujeitos. In: D´ÁVILA, Cristina Maria; VEIGA, Ilma Passos Alencastro. Didática e docência na educação superior: implicações para a formação de professores. Campinas/SP: Papirus, 2012.

VIEIRA, Hamilton Perninck. A (re)significação da docência universitária brasileira na graduação em Paulo Freire. Revista Educare, Fortaleza, n. 2, p. 62-70, jun. 2010.
Publicado
2017-10-23
Como Citar
Vieira, H. P., Therrien, J., & Castro, F. M. F. M. (2017). Saberes da docência universitária na percepção de professores de ensino básico. Educação Em Perspectiva, 8(2), 267-285. https://doi.org/10.22294/eduper/ppge/ufv.v8i2.881
Seção
Artigos