QUALIDADE DO PROCESSO DE SEMEADURA DA CULTURA DO MILHO DE SEGUNDA SAFRA

Autores

  • Sálvio Napoleão Soares Arcoverde
  • Cristiano Márcio Alves de Souza
  • Jorge Wilson Cortez
  • Renato Anastácio Guazina
  • Paulo Alexandre Graciano Maciak

DOI:

https://doi.org/10.13083/reveng.v24i5.709

Palavras-chave:

controle estatístico do processo, distribuição longitudinal de sementes, plantio direto

Resumo

A semeadura do milho está sujeita a fatores que podem interferir na qualidade da operação. O uso de métodos estatísticos de controle de qualidade em processos agrícolas tem-se mostrado eficiente para detecção de variabilidade no decorrer da operação. Objetivou-se avaliar a qualidade e capabilidade da semeadura do milho de segunda safra por semeadora-adubadora pneumática. A coleta de dados ocorreu no município de Dourados (MS) em área de aproximadamente 30 ha, utilizando-se malha amostral composta de 60 pontos distribuídos na área com uma amostra a cada 0,5 ha. Determinaram-se a quantidade de plântulas emergidas e a distância entre plantas em dois metros consecutivos, a fm de calcular o estande de plantas por metro e a porcentagem de espaçamentos normais, falhos e duplos. Realizou-se, inicialmente, análise descritiva e controle estatístico do processo (CEP) para caracterizar os dados e averiguar a estabilidade da semeadura do milho, que serviram como pressupostos para realizar análise de capabilidade do processo. O estande e a distribuição longitudinal de plantas em espaçamentos normais foram satisfatórios, embora abaixo da capacidade da semeadora-adubadora pneumática. O CEP permitiu avaliar a qualidade das variáveis durante o processo de semeadura, demostrando instabilidade para porcentagem de espaçamentos normais e controle dos demais indicadores de qualidade de semeadura. A análise de capabilidade indicou que a semeadora pneumática não atingiu as metas estabelecidas para estande de plantas (5 plantas m-1) e espaçamentos falhos e duplos (10%), sugerindo necessidade de monitoramento da operação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2017-01-26

Como Citar

Arcoverde, S. N. S., de Souza, C. M. A., Cortez, J. W., Guazina, R. A., & Maciak, P. A. G. (2017). QUALIDADE DO PROCESSO DE SEMEADURA DA CULTURA DO MILHO DE SEGUNDA SAFRA. Revista Engenharia Na Agricultura - REVENG, 24(5), 383–392. https://doi.org/10.13083/reveng.v24i5.709

Edição

Seção

Mecanização Agrícola

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >> 

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.