ESTIMATIVA DA EVAPOTRANSPIRAÇÃO DE REFERÊNCIA UTILIZANDO MODELOS COM BASE NA TEMPERATURA DO AR E RADIAÇÃO SOLAR GLOBAL PARA O ESTADO DE GOIÁS

Autores

  • Kleber Gomes de Macêdo Universidade Federal do Ceará
  • Francisco Dirceu Duarte Arraes Instituto Federal do Sertão Pernambucano - campus Salgueiro
  • Willame Candido de Oliveira Instituto Federal do Ceará - campus Iguatu
  • Juarez Cassiano de Lima Junior Universidade Federal do Ceará
  • Yara Rodrigues Araujo Instituto Federal do Ceará - campus Iguatu

DOI:

https://doi.org/10.13083/reveng.v25i6.804

Palavras-chave:

Hargreaves e Samani, manejo de irrigação, penman-monteith

Resumo

O manejo adequado da irrigação é uma prática agrícola que pode levar a economia de água e aumento da produção, pode ser realizado por meio da estimativa da evapotranspiração de referência, que segundo a FAO deve ser estimada por intermédio do modelo de Penman-Monteith, modelo que requer muitos dados climáticos de entrada, que muitas vezes não estão disponíveis. Assim, buscando uma estratégia de se estimar a evapotranspiração de referência para o estado de Goiás, objetivou-se neste estudo avaliar o desempenho de seis modelos (FAO-Radiação, Jensen-Haise, Makkink, Hargreaves-Samani, Hamon e Baier-Robertson). Foram utilizados dados de temperatura do ar, umidade relativa do ar, velocidade do vento e insolação obtidos junto ao INMET (Instituto Nacional de Meteorologia), das estações convencionais localizadas nas cidades de Aragarças, Catalão, Formosa, Goiânia, Goiás, Ipameri, Itumbiara, Jataí, Pirenópolis, Posse e Rio Verde, no estado de Goiás. O desempenho dos modelos foi avaliado segundo os índices estatísticos: raiz quadrada do erro médio (RQEM) e índice de Willmont (id). Os modelos que melhor estimaram a evapotranspiração de referência foram FAO-Radiação e Makkink em oito das onze cidades avaliadas. Para Aragarças o melhor modelo foi o Hamon e para Catalão e Posse foi o modelo de Hargraves-Samani.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2017-12-21

Como Citar

Macêdo, K. G. de, Arraes, F. D. D., Oliveira, W. C. de, Lima Junior, J. C. de, & Araujo, Y. R. (2017). ESTIMATIVA DA EVAPOTRANSPIRAÇÃO DE REFERÊNCIA UTILIZANDO MODELOS COM BASE NA TEMPERATURA DO AR E RADIAÇÃO SOLAR GLOBAL PARA O ESTADO DE GOIÁS. Revista Engenharia Na Agricultura - Reveng, 25(6), 540-548. https://doi.org/10.13083/reveng.v25i6.804

Edição

Seção

Meteorologia Aplicada

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)