DEMANDA ENERGÉTICA NA PRODUÇÃO DE SORGO SILAGEIRO NA REGIÃO METROPOLITANA DO ESTADO DO RIO DE JANEIROO DE JANEIRO

Autores

  • Camila Madureira Duarte Universidade Federal Rural do Rio de janeiro
  • João Paulo Barreto Cunha Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro
  • Marcus Vinicius Morais de Oliveira UFRRj
  • Livan Pereira Honorato UFRRJ

DOI:

https://doi.org/10.13083/reveng.v26i6.833

Palavras-chave:

alimentação animal, análise energética, balanço energético, entradas e saídas

Resumo

O balanço energético permite identificar as possíveis entradas e saídas de energia no processo de produção, resultando no saldo energético final do processo produtivo. O objetivo do trabalho foi avaliar os fluxos de energia e a demanda energética de dois sistemas de manejo do solo para a produção de sorgo silageiro na região metropolitana do estado do Rio de Janeiro. Foram realizados o estudo da eficiência energética e o balanço energético, quantificando o coeficiente energético de cada componente envolvido no processo de produção e determinando as matrizes de consumo energético nas formas de insumos, mão-de-obra, equipamentos, produção de silagem e restos culturais. Utilizou-se delineamento de blocos casualizados com cinco repetições, onde os tratamentos foram constituídos por sistema de preparo convencional do solo (SC) e sistema de preparo convencional com gradagem pré-plantio (SCG). Para os dados das entradas e saídas de energia, do balanço energético e da eficiência, os mesmos, quando significativos, foram submetidos ao teste de comparação de média Scot-Knott a 5 % de probabilidade. Os resultados indicaram que a contribuição do dispêndio energético dos fertilizantes e combustíveis foi determinante para o elevado consumo energético dos sistemas de cultivo estudados, sendo o efeito contrário para as energias referentes às fontes de origem biológica. Para as condições do presente experimento, sob o ponto de vista energético, o sistema com gradagem adicional (SCG) apresentou-se energeticamente mais viável, apresentando maior produtividade e eficiência na conversão de energia.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2018-12-19

Como Citar

Duarte, C. M., Cunha, J. P. B., de Oliveira, M. V. M., & Honorato, L. P. (2018). DEMANDA ENERGÉTICA NA PRODUÇÃO DE SORGO SILAGEIRO NA REGIÃO METROPOLITANA DO ESTADO DO RIO DE JANEIROO DE JANEIRO. REVISTA ENGENHARIA NA AGRICULTURA - REVENG, 26(6), 555-564. https://doi.org/10.13083/reveng.v26i6.833

Edição

Seção

Mecanização Agrícola

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)