A formação e a identificação com a profissão de egressos de programa de inserção na docência

  • Maria Mikaele da Silva Cavalcante Universidade Estadual do Ceará
  • Isabel Maria Sabino de Farias Universidade Estadual do Ceará
Palavras-chave: Egressos do Pibid, Inserção Profissional, Formação Docente.

Resumo

O que pode elucidar sobre a formação e a identificação com a profissão os egressos de um programa nacional de inserção no magistério, especificamente, o Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência? O trabalho objetiva contribuir para alargar o debate sobre o assunto. Trata-se de estudo empírico qualitativo, cujos dados foram colhidos por meio do envio de formulário eletrônico encaminhado via internet, junto a egressos dos cursos de Ciências Sociais, Filosofia e Pedagogia de uma universidade pública estadual. Do universo de 78 egressos, obtivemos o retorno de 27 pessoas. Os relatos revelam que a formação fez diferença na vida e nas escolhas profissionais dos egressos, desmistificou imaginários pessimistas sobre a escola e confirmou, entre alguns, o reconhecimento de si como professor e incrementou outras expectativas.Um grupo de 8 egressos está afastado da docência em decorrência de formação continuada e/ou outra formação; e, 6 sujeitos, por sua vez, não exercem ou atuam noutra área. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Mikaele da Silva Cavalcante, Universidade Estadual do Ceará
Mestranda em Educação pelo Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Estadual do Ceará (PPGE-UECE). Graduada em Pedagogia pela Universidade Estadual do Ceará (UECE). Integra o Grupo de Pesquisa Educação, Cultura Escolar e Sociedade (EDUCAS). Participa do Observatório da Educação, onde desenvolve estudos sobre o Desenvolvimento Profissional Docente e Inovação Pedagógica.
Isabel Maria Sabino de Farias, Universidade Estadual do Ceará
Doutora em Educação pela Universidade Federal do Ceará (UFC), com estágio pós-doutoral pela UNB. Licenciada em Pedagogia pela Universidade Estadual do Ceará (UECE). Professora do Curso de Pedagogia e do Programa de Pós-Graduação em Educação (Mestrado e Doutorado) da UECE. Coordenou o Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência - PIBID na UECE (2010 a 02/2014). Vice-presidente Nordeste da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação - ANPEd (2015-2017). Líder do grupo de pesquisa Educação, Cultura Escolar e Sociedade (EDUCAS), onde desenvolve estudos sobre desenvolvimento profissional docente, inovação, pesquisa e ensino na universidade. Atualmente investiga como docentes da Educação Básica que participam do PIBID se desenvolvem, iniciativa em rede (UECE, UFOP-MG e UNIFESP-SP) apoiada pelo Edital CAPES 2012 - OBSERVATÓRIO DA EDUCAÇÃO.
Publicado
2016-09-22
Como Citar
Cavalcante, M. M. da S., & Farias, I. M. S. de. (2016). A formação e a identificação com a profissão de egressos de programa de inserção na docência. Educação Em Perspectiva, 7(1). https://doi.org/10.22294/eduper/ppge/ufv.v7i1.730
Seção
Artigos