Análise das técnicas argumentativas nos textos dissertativo-argumentativos dos alunos do curso de redação PROENEM (UNILAB)

Autores

DOI:

https://doi.org/10.21284/elo.v10i.11702

Palavras-chave:

Técnicas argumentativas, Nova retórica, Redação, ProEnem (UNILAB)

Resumo

O presente trabalho tem o objetivo de analisar como os estudantes pré-universitários do Curso de Redação Gratuito ProEnem, promovido pelo Projeto Palestras Interdisciplinares e Oficinas de Produção Textual para o Enem (PROENEM), usam as estratégias argumentativas em redações dissertativo-argumentativas. Para darmos conta desse objetivo, a nossa base teórica está nos postulados de Perelman e Tyteca (1996), sobre as técnicas argumentativas, Fiorin (2018), em sua investigação sobre a argumentação, e Garantizado Júnior (2015), em seu modelo de análise e descrição do fenômeno argumentativo sob uma perspectiva textual e retórica. Para este trabalho, analisamos 25 redações produzidas por 25 estudantes pré-universitários da Turma 1 do primeiro módulo do Curso de Redação. Nossos resultados apontam que, após intervenção didática do ProEnem, as estratégias argumentativas de comparação, exemplificação, vínculo causal, e referência à autoridade foram mais adequadamente utilizadas nos textos produzidos pelos pré-universitários com os quais realizamos a pesquisa.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

FIORIN, José Luiz. Argumentação. São Paulo: Contexto, 2018.

GARANTIZADO JÚNIOR, José Olavo da Silva. Estudo da argumentação sob uma perspectiva textual e retórica. 2015. p. 176-183. Tese (Doutorado) – Universidade Federal do Ceará, Departamento de Letras Vernáculas, Programa de Pós-Graduação em Linguística, Fortaleza.

INEP. Resultados ENEM 2019. Brasília: INEP, 2020. Disponível em: <http://download.INEP.gov.br/educacao_basica/ENEM/downloads/2019/apresentacao_resultados_ENEM_2019.pdf>. Acesso em: 18 Jan. 2020.

LIMA, Edmar Peixoto de; OLIVEIRA, Flávia Cristina Cândido de; GARANTIZADO JÚNIOR, José Olavo da Silva. As técnicas argumentativas na redação do ENEM. Pontes Editores, 2018.

MEDEIROS, João Bosco. Redação Empresarial. - 7. ed.- São Paulo: Atlas, 2010. p. 125.

MENEZES, Léia Cruz de. Expressões linguísticas modalizadoras deônticas em função argumentativa: um exercício de análise retórico funcional. p. 37-44. Tese (Doutorado) – Universidade Federal do Ceará, Departamento de Letras Vernáculas, Programa de Pós-Graduação em Linguística, Fortaleza. 2011.

Ministério da Educação. Exame Nacional do Ensino Médio. Disponível em: <http://portal.mec.gov.br/enem-sp-2094708791#>. Acesso em: 18 Jan. 2020.

PERELMAN, Chaïm; OLBRECHTS-TYTECA, Lucie. Tratado da argumentação: a nova

retórica. Trad. Maria Ermantina de Almeida Prado Galvão. São Paulo: Martins Fontes,

(Trad. de Traité de l ìArgumentation. La Nouvelle Rhétorique. Paris: PUF, 1958).

RODRIGUEZ, Ana Miriam Carneiro. Breve recurso dos estudos sobre argumentação. Memento: Revista de Linguagem, Cultura e Discurso. Mestrado em Letras. Unincor. Vol. O8, N.2. 2017.

THEREZO, Graciema Pires. Como corrigir redação. 7. ed. Campinas: Editora Alínea, 2012.

Downloads

Publicado

2021-04-12

Como Citar

FERREIRA, L., & JÚNIOR, J. O. da S. G. (2021). Análise das técnicas argumentativas nos textos dissertativo-argumentativos dos alunos do curso de redação PROENEM (UNILAB). Revista ELO – Diálogos Em Extensão, 10. https://doi.org/10.21284/elo.v10i.11702

Edição

Seção

Artigos