INFLUÊNCIA DA ADUBAÇÃO ORGÂNICA SOBRE A CLASSIFICAÇÃO E APARÊNCIA DOS FRUTOS DE MARACUJAZEIRO AMARELO

Anália Lúcia Vieira Pacheco, Mateus Francisco Pagliarini, Gerival Vieira, Gilberto Bernardo de Freitas

Resumo


Esta pesquisa teve o objetivo de avaliar a influência da adubação orgânica sobre a classificação e aparência (número de defeitos) dos frutos de maracujazeiro amarelo. O experimento foi estabelecido num latossolo vermelho amarelo em Visconde do Rio Branco, MG. Os tratamentos foram formados por três tipos de adubações aplicados no pomar: mineral (MIN) indicada para a cultura; orgânica (ORG), equivalente à adubação potássica indicada pra a cultura e duas vezes orgânica (2 X ORG), onde foi utilizado o dobro da dose do tratamento ORG. O adubo orgânico utilizado foi o esterco bovino curtido. Durante as 14 semanas de colheita os frutos foram classificados, de acordo com a massa, em tipo A (acima de 175 g), B (entre 125 e 175 g) e C (abaixo de 125 g), e, posteriormente, contabilizou-se a percentagem de defeitos leves e graves nos frutos. Mais da metade dos frutos colhidos apresentaram massa inferior a 125 g. O valor médio da percentagem de defeitos leves foi de 29,26% e de graves foi de 5,36%. A classificação dos frutos e o número de defeitos não foram influenciados pelas adubações. O que mostra que para o mercado de frutos in natura, a utilização de esterco bovino como adubo orgânico pode substituir a adubação mineral, sem gerar prejuízos na classificação e aparência dos frutos.

Palavras-chave


defeitos, qualidade, Passiflora edulis Sims f. flavicarpa Degener

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.21206/rbas.v6i2.322

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais



ISSN Online 2236-9724, ISSN Impresso 2317-5818, ISSN Cd rom 2178-5317