DEMANDA DE ÁGUA PARA IRRIGAÇÃO DAS COMUNIDADES RURAIS ASSOCIADAS AO PROJETO DE INTEGRAÇÃO DO RIO SÃO FRANCISCO

  • Andre Keiiti Ide
  • Cícero Lopes da Silva
Palavras-chave: planejamento da irrigação, recursos hídricos, transposição de bacias

Resumo

No Semiárido Brasileiro, o Projeto de Integração do Rio São Francisco, além de suas finalidades principais, fornecerá água para atendimento de pequenos projetos de irrigação que serão instalados em comunidades rurais tradicionais localizadas nas proximidades dos canais adutores. Nesse contexto, o planejamento da irrigação, com estimativas adequadas dos requerimentos de água dos cultivos, é fundamental para o gerenciamento dos recursos hídricos aduzidos por esses canais. Assim, objetivou-se, neste trabalho, estimar e avaliar a distribuição espacial e temporal das demandas de irrigação em 34 comunidades rurais, tanto do ponto de vista dos usuários, quanto do operador dos sistemas de canais, fornecendo, dessa forma, uma ideia da demanda de água necessária às irrigações. As demandas de água variaram conforme a duração do ciclo da cultura e localidade. As maiores demandas de água para irrigação foram verificadas nas comunidades ao sul do estado de Pernambuco, sendo o mês de novembro o de maior demanda. O volume bruto anual para irrigação das comunidades foi estimado em 16,8 milhões de m3, sendo 12 milhões de m3 para as comunidades localizadas ao longo dos canais do Eixo Norte e 4,8 milhões de m3 para os canais do Eixo Leste do Projeto de Integração do Rio São Francisco.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2017-08-07
Como Citar
Ide, A. K., & Silva, C. L. da. (2017). DEMANDA DE ÁGUA PARA IRRIGAÇÃO DAS COMUNIDADES RURAIS ASSOCIADAS AO PROJETO DE INTEGRAÇÃO DO RIO SÃO FRANCISCO. REVISTA ENGENHARIA NA AGRICULTURA - REVENG, 25(3), 249-260. https://doi.org/10.13083/reveng.v25i3.748
Seção
Recursos Hídricos e Ambientais