EFEITO RESIDUAL DA FERTIRRIGAÇÃO COM ÁGUA RESIDUÁRIA DE BOVINOCULTURA NA QUALIDADE DE UM SOLO ARGILO-ARENOSO

Samanta Ferreira Bortoni, Jonathas Batista Gonçalves Silva, Camila Pinho de Sousa

Resumo


Nos últimos anos, a crescente geração de resíduos e sua destinação inadequada têm gerado relevantes impactos ambientais. A fertirrigação é uma das técnicas de reaproveitamento e destinação dos resíduos, com benefícios para a cultura e solo, porém, pouco se sabe sobre o efeito residual da fertirrigação no solo. Diante disso, o presente trabalho teve como objetivo a análise de um solo argilo-arenoso previamente fertirrigado com água residuária de bovinocultura (ARB), utilizando o rabanete (Raphanussativus) como bioindicador. Foram utilizados cinco tratamentos com diferentes porcentagens de água residuária: T1 (0% ARB); T2 (50% ARB); T3 (100% ARB); T4 (200% ARB) e T5 (300% ARB). Avaliou-se o comprimento da parte aérea, diâmetro do bulbo, massa seca da parte aérea e raiz, desempenho fotossintético e fitotoxicidade da cultura em estudo para os diferentes tratamentos. A água residuária de bovinocultura elevou a fertilidade do solo, o que resultou no aumento do desenvolvimento do rabanete, no que diz respeito ao comprimento da parte aérea, diâmetro do bulbo, massa seca da parte aérea e raiz e desempenho fotossintético. Entretanto, para o tratamento com 300% de água residuária (T5), foi observado um decréscimo no comprimento da parte aérea, no diâmetro do bulbo e na massa seca da parte aérea e raiz, possivelmente, devido ao aumento das concentrações de sódio no solo. De modo geral, a aplicação de doses de ARB que suplanta expressivamente a demanda nutricional das culturas pode acarretar o aumento expressivo dos níveis de sódio no solo e, com isso, a diminuição do desempenho das culturas.

Palavras-chave


Bioindicadores, Fertirrigação, Água residual, Qualidade do solo

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.13083/reveng.v26i5.886

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 ENGENHARIA NA AGRICULTURA / Engineering in Agriculture

Licença Creative Commons

Revista Engenharia na Agricultura / Engineering in Agriculture | Viçosa, MG, ISSN 2175-6813