A Disciplina de Sociologia no Colégio de Aplicação da UFV

Autores

DOI:

https://doi.org/10.47328/rpv.v9i02.10818

Palavras-chave:

Sociologia; matriz curricular; representação discente

Resumo

Considerando a importância de estudar os sistemas educacionais e as dinâmicas institucionais e sociais no Brasil, o presente artigo busca analisar a construção da disciplina de sociologia no Colégio de Aplicação da Universidade Federal de Viçosa, a partir da sua inserção obrigatória na matriz curricular do ensino médio, e a possível relação dessa inclusão com a mobilização dos estudantes do CAp-COLUNI em torno de pautas por maior participação política e representação discente nos espaços institucionais. Com o objetivo inicial de delinear os caminhos a serem percorridos no projeto, foi feita uma revisão bibliográfica sobre a metodologia e epistemologia da pesquisa científica, seguida de um levantamento de dados relativos à obrigatoriedade da disciplina no ensino médio e à sua estruturação no Colégio de Aplicação, através de uma análise documental qualitativa, acompanhada da intepretação histórica dos documentos referentes às alterações nas matrizes curriculares e à participação dos alunos nos órgãos institucionais do Colégio. Destarte, observou-se o incremento das práticas políticas adotadas pelos estudantes no espaço escolar e o acréscimo de demandas específicas do corpo discente, apontando a necessidade da continuidade da pesquisa para consolidação e ampliação da análise sobre os efeitos da inclusão da sociologia no Colégio de Aplicação da UFV.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Daniel de Moura Rocha, UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA

Bolsista de Iniciação Científica para o Ensino Médio financiado pelo CNPq e aluno da 3ª série do ensino regular médio do Colégio de Aplicação da Universidade Federal de Viçosa.

Referências

BODART, Cristiano das Neves (Org.). Diálogos sobre o ensino de Sociologia. Vol.1, Maceió: Editora Café com Sociologia, 2019.
BODART, Cristiano das Neves (Org.). Sociologia escolar: ensino, discussões e experiências. Porto Alegre: Cirkula, 2018.
BODART, Cristiano das Neves; CIGALES, Marcelo Pinheiro. Ensino de Sociologia no Brasil (1993-2015): Um Estado da Arte na Pós-Graduação. Revista de Ciências Sociais. Fortaleza, v.48, n. 2, p.256-281, jul./dez., 2017.
BOMENY, Helena (Org.). O ensino de Sociologia na Graduação. São Paulo: Annablume, 2017.
BRASIL. Lei 11.864 de 02 de junho de 2008. Altera o art. 36 da Lei no 9.394, de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional, para incluir a Filosofia e a Sociologia como disciplinas obrigatórias nos currículos do ensino médio. Disponível em file:///C:/Users/Usuario/AppData/Local/Temp/201112310529718lei_n%C2%B0_11.684_de_02_de_junho_de_2008_-_inclui_a_filosofia_e_a_sociologia_como_disciplinas_obrigatorias.pdf
BRASIL. LEI Nº 13.415, DE 16 DE FEVEREIRO DE 2017. Conversão da Medida Provisória nº 746, de 2016. Altera as Leis n º 9.394, de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional, e 11.494, de 20 de junho 2007, que regulamenta o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação, a Consolidação das Leis do Trabalho - CLT, aprovada pelo Decreto-Lei nº 5.452, de 1º de maio de 1943, e o Decreto-Lei nº 236, de 28 de fevereiro de 1967; revoga a Lei nº 11.161, de 5 de agosto de 2005; e institui a Política de Fomento à Implementação de Escolas de Ensino Médio em Tempo Integral. Disponível em http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2015-2018/2017/lei/l13415.htm
CAREGNATO, C. E.; Carvalho Cordeiro, V. Campo Científico-Acadêmico e a Disciplina de Sociologia na Escola Educação & Realidade, vol. 39, núm. 1, enero-marzo, 2014, pp. 39-57 Universidade Federal do Rio Grande do Sul Porto Alegre, Brasil.
CAREGNATO, C. E; GENRO, M. E. H. Sociologia e Filosofia para quê? Diálogos com protagonistas na escola. Porto Alegre: Editora da UFRGS/NIUE, 2011.
CARUSO, Haydée; SANTOS, Mário Bispo dos (organizadores). Rumos da Sociologia na Educação Básica: ENESEB2017: reformas, resistências e experiências de ensino. Porto Alegre: Cirkula, 2019.
COLÉGIO DE APLICAÇÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA (CAp-COLUNI). Viçosa. Atas das reuniões de colegiado _ 2015: ATA nº 01/2015, de 11.03.2015; ATA nº 02/2015, de 15.04.2015, ATA nº 03/2015, de 28.04.2015, ATA nº 04/2015, de 15.05.2015, ATA nº 05/2015, de 28.05.2015, ATA nº 06/2015, de 02.07.2015, ATA nº 07/2015, de 20.08.2015, ATA nº 08/2015, de 01.09.2015, ATA nº 09/2015, de 14.09.2015, ATA nº 10/2015, de 20.10.2015.
_ 2016: ATA nº 01/2016, de 16.03.2016, ATA nº 02/2016, de 28.03.2016, ATA nº 03/2016, de 14.04.2016, ATA nº 04/2016, de 19.04.2016, ATA nº 05/2016, de 17.05.2016, ATA nº 06/2016, de 24.05.2016, ATA nº 07/2016, de 13.06.2016, ATA nº 08/2016, de 06.07.2016, ATA nº 09/2016, de 24.08.2016, ATA nº 10/2016, de 21.09.2016, ATA nº 11/2016, de 06.10.2016, ATA nº 12/2016, de 19.10.2016, ATA nº 13/2016, de 23.11.2016, ATA nº 14/2016, de 14.12.2016.
_ 2018: Ata nº 01/2018, de 14.03.2018, Ata nº 02/2018, de 20.04.2018 - PPP, Ata n° 03/2018, de 25.04.2018, Ata n° 04/2018, de 25.05.2018, Ata n° 05/2018, de 29.05.2018, Ata n° 06/2018, de 04.07.2018, Ata n° 07/2018, de 22.08.2018, Ata n° 08/2018, de 19.09.2018, Ata n° 09/2018, de 24.10.2018, Ata n° 10/2018, de 21.11.2018, Ata n° 12/2018, de 20.12.2018
_ 2019: Ata n° 01/2019, de 20.03.2019, Ata n° 02/2019, de 24.04.2019, Ata n° 03/2019, de 29.05.2019, Ata n° 04/2019, de 03.07.2019. Ata n° 05/2019, de 21.08.2019, Ata n° 06/2019, de 18.09.2019, Ata n° 08/2019, de 01.11.2019, Ata nº 07/2019, de 23.10.2019.
MORAES, Amaury César (Coord.). Sociologia: ensino médio. Coleção “Explorando o Ensino”, v. 15. Brasília: Ministério da Educação, Secretaria de Educação Básica, 2010.
MORAES, Amaury Cesar de. Ciência e Ideologia na Prática dos Professores de Sociologia no Ensino Médio: da neutralidade impossível ao engajamento indesejável, ou seria o inverso? Educação & Realidade, vol. 39, núm. 1, enero-marzo, 2014, pp. 17-38 Universidade Federal do Rio Grande do Sul Porto Alegre, Brasil
RODRIGUES, Shirlei Daudt. Cidadania e Espaço Público a Partir da Escola: resgate, recriação ou abandono? 2007. Dissertação (Mestrado em Sociologia) – Departamento de Sociologia, Universidade de Brasília, Brasília, 2007.
SANTOS, Boaventura de Sousa. Um discurso sobre as Ciências. 5° Ed. São Paulo: Cortez, 2008.
TEIXEIRA, Elizabeth. As três metodologias: acadêmica, das ciências e da pesquisa. Petrópolis, RJ: Editora Vozes, 2011.
UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA. PRÓ-REITORIA DE ENSINO. COLÉGIO DE APLICAÇÃO DA UFV -CAP/COLUNI. Processo 013390/2007 - Proposta de matriz curricular triênio 2008-2010; Processo 012687/2008 – Proposta de matriz curricular triênio 2009-2011; Processo 015496/2010 – Proposta de matriz curricular triênio 2011-2013; Processo 15260/2014 – Proposta de matriz curricular triênio 2015-2017; Processo 904794/2018 – Proposta de matriz curricular triênio 2019-2021.

Downloads

Publicado

2020-10-01

Como Citar

TOSTES, A. G. M.; DE MOURA ROCHA, D.; PIMENTEL MIRANDA, G. A Disciplina de Sociologia no Colégio de Aplicação da UFV. REVISTA PONTO DE VISTA, [S. l.], v. 9, n. 2, p. 104-115, 2020. DOI: 10.47328/rpv.v9i02.10818. Disponível em: https://periodicos.ufv.br/RPV/article/view/10818. Acesso em: 22 out. 2020.

Edição

Seção

Artigos de Iniciação Científica