A educação ambiental em curso formativo: uma proposta para a formação de jovens do ensino médio por meio das artes

Autores

  • Thiago EZIDIO Universidade Estadual do Norte do Paraná https://orcid.org/0000-0002-6198-0650
  • Dayanne da Silva ALVES Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências e Educação Matemática. Universidade Estadual de Londrina-PR – Brasil https://orcid.org/0000-0003-3775-1919
  • Lucken Bueno LUCAS Programa de Pós-Graduação em Ensino. Universidade Estadual do Norte do Paraná Campus Cornélio Procópio-PR - Brasil https://orcid.org/0000-0003-2122-8672
  • Rodrigo de Souza POLETTO Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências e Educação Matemática. Universidade Estadual de Londrina-PR – Brasil https://orcid.org/0000-0002-7034-7865

DOI:

https://doi.org/10.21284/elo.v10i.11373

Palavras-chave:

Educação Ambiental, Práticas artísticas, Resíduos sólidos urbanos

Resumo

Resumo: Considerando as macrotendências que se referem aos segmentos da Educação Ambiental, o presente trabalho teve como objetivo desenvolver ações que mitigassem os problemas ambientais. Para o alcance deste objetivo foram utilizadas práticas artísticas e ambientais visando o ensino de Educação Ambiental aos jovens do Ensino médio. Durante um curso, foram desenvolvidas atividades compostas por práticas a campo estruturadas em conceitos agroflorestais, resíduos sólidos urbanos mediadas por atividades artísticas, com animações e desenhos de observação (mapeamento ambiental). Os resultados mostraram que abordagens artísticas e práticas ambientais ajudam a promover um processo de sensibilização ambiental por serem integrativas com o meio ambiente, para tanto os cursistas realizaram apontamentos ilustrativos sobre problemas ambientais tendo como destaque resíduos de sólidos urbanos, posteriormente sugeriram a implantação de uma horta em uma área abandonada dentro da Universidade, estes processos contribuíram para que aos alunos adquirissem uma visão consciente dos recursos naturais e preservação do meio ambiente.

Palavras-Chaves: Educação ambiental. Práticas artísticas. Resíduos sólidos urbanos.

Área Temática: Educação Ambiental

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Thiago EZIDIO, Universidade Estadual do Norte do Paraná

THIAGO EZIDIO DE OLIVEIRA: Discente do curso de Licenciatura em Ciências Biológicas na Universidade Estadual do Norte do Paraná-UENP

Dayanne da Silva ALVES, Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências e Educação Matemática. Universidade Estadual de Londrina-PR – Brasil

Possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Estadual do Norte do Paraná (2014). Mestra em Ensino pelo Programa de Pós-graduação em Ensino (PPGEN) da Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP). Doutoranda pelo Programa de Pós-graduação em Ensino de Ciências e Educação Matemática (PECEM)

Lucken Bueno LUCAS, Programa de Pós-Graduação em Ensino. Universidade Estadual do Norte do Paraná Campus Cornélio Procópio-PR - Brasil

LUCKEN BUENO LUCAS é graduado em Ciências Biológicas pela Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP), especialista em Bioética, mestre e doutor em Ensino de Ciências e Educação Matemática pela Universidade Estadual de Londrina (Bolsas CAPES). É professor efetivo do curso de Ciências Biológicas e do Programa de Pós-Graduação em Ensino (PPGEN) da UENP.

Rodrigo de Souza POLETTO, Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências e Educação Matemática. Universidade Estadual de Londrina-PR – Brasil

 Licenciatura em Ciências Biológicas pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - UNESP de Assis, Mestrado e Doutorado em Ciências Biológicas (Botânica) pela UNESP de Botucatu. Atualmente é professor na graduação e no Curso de Mestrado Profissional em Ensino e no Mestrado em Agronomia da Universidade Estadual do Norte do Paraná - UENP.

Referências

BARRETO, V.P. A Educação Ambiental como proposta reflexiva da realidade. Centros de estudos gerais aplicados. Monografia do Curso de Pedagogia. Universidade Federal Fluminense. Niterói, 2006.

BORDIN, J. H. Educação revessa. Pelotas, RGS: Editora Universitária/UFPEL, 2010.

BRASIL, Ministério do Meio Ambiente. Política Nacional de Educação Ambiental - Lei nº 9795/1999, Art 5º inciso I. Acesso em: 13 Mai 2019. Disponível em: http://www.mma.gov.br/educacao-ambiental/politica-de-educacao-ambiental

CUNHA, V. T. et al. Horta na escola: uma forma didática de trabalhar a sustentabilidade. Revista Ibero-americana de Ciências Ambientais, Aquidabã, v. 5, n. 2, p. 38-48, 2014. Disponível em: <https://doi.org/10.6008/SPC2179-6858.2014.002.0004>. Acesso em: 24 abr. 2018.

DIAS, M. Educação Ambiental: princípios e práticas. São Paulo: Gaia, 2004.

GUIMARÃES, M. Educação ambiental crítica. In: LAYRARGUES, P.P. (coord.). Identidades da educação ambiental brasileira. Brasília; Ministério do meio Ambiente, 2004.

JACOBI, P. R.; TRISTÃO, Martha; FRANCO, Maria Isabel Gonçalves Correa. A função social da educação ambiental nas práticas colaborativas: participação e engajamento. CAD. SEDES, Campinas, vol. 29, n. 77, p.63-79, jan./abr. 2009. Disponível em < HTTP:// www.Cedes.unicamp.br > acesso em: 12 março.2020

KREMER, J. Caminhando rumo ao consumo sustentável: uma investigação sobre a teoria declarada e as práticas das empresas no Brasil e no Reino Unido. PPG em Ciências Sociais. PUCSP, São Paulo, 2007. 323 p.

SORRENTINO, M.; TRAIBER, R.; MENDONÇA, P.; JUNIOR, L.A.F. Educação ambiental como política pública, 2005.

LEWIN, K. Problemas de dinâmica de grupo. São Paulo: Cultrix, 1978.

LOUREIRO, C.F.B. Educação Ambiental transformadora. In: LAYRARGUES, P. P. (Org.). Identidades da educação ambiental brasileira. Brasília: MMA/DEA,2004.

LOUREIRO, C.F.; TREIN, E.; TOZONI-REIS, M.F.; NOVICKI, V. Contribuições da teoria marxista para a Educação Ambiental crítica. Cad. Campinas, CEDES, vol.29, n.77, jan./abr. 2009. p. 81-97.

LOUREIRO, C.F.; TREIN, E. Educação Ambiental e “Teorias críticas”. In: GUIMARÃES, M (Org.). Caminhos da educação ambiental. Campinas: Papirus, 2006.

MALTEZ, H. M.; PENEIREIRO, F.M. Jardins Agroflorestais (Texto base para a Oficina “Jardins Agroflorestais” Conferência Internacional Infanto-Juvenil - Vamos Cuidar do Planeta), Brasília: 2010.

MARQUES, J. S. As imagens do desenho: percepção espacial e representação. (Trabalho de Síntese) Faculdade de Belas Artes do Porto, 2006.

MELLO, L.E.; SOARES, M.H.F.B. Atividades lúdicas no desenvolvimento da Educação Ambiental. II SEAT – Simpósio de Educação Ambiental e Transdisciplinaridade UFG / IESA / NUPEAT - Goiânia, maio de 2011.

MARCONI, M. A., LAKATOS, E. M. Metodologia Científica. 5. ed. 2. reimpr. São Paulo: Atlas, 2008.

MOUSINHO, P. Glossário. In: Trigueiro, A. (Coord.) Meio ambiente no século 21. Rio de Janeiro: Sextante. 2003.

SANTOS, S. M. P. dos. O lúdico na formação do educador. 5 ed. Vozes Petrópolis, 2002.

OLIVEIRA, L. L.; LACERDA, C. S.; ALVES, J.B.R.; SANTOS, E.D.; OLIVEIRA, S.A.; BATISTA, T. S. A. Impactos ambientais causados pelas sacolas plásticas: o caso Campina Grande – PB. BioFar, 2012.

PIMENTEL, A. K. S.; ARAUJO, K. K. S.; ROCHA, M. V. R. Coleta seletiva em uma empresa de lim¬peza pública de Maceió (AL). Maceió, 2011.

POLETTO, R. S.; OLIVEIRA, R. A. G.; MACHADO, T. A.; FRANCO, D. M. Implantação de Sistema Agroflorestal na Agricultura Familiar. Cornélio Procópio-PR: Edição do Autor, 2018, 19p.

RIBEIRO, J. W.; ROOKE, J. M. S. Saneamento básico e sua relação com o meio ambiente e a saúde pública. Juiz de Fora, MG. 2010.

THIOLLENT, M. Metodologia da pesquisa-ação. São Paulo: Cortez, 2000.

XAVIER, L. H.; CARDOSO, R.; MATOS, R. M. Legislação ambiental sobre destinação de resíduos sólidos: o caso das embalagens plásticas pós-consumo. XIII SIMPEP - Bauru, SP, Brasil, 6 a 8 de novembro de 2006.

ZABALA, A. A prática educativa: como ensinar. Porto Alegre: Artes Médicas, 1998.

Downloads

Publicado

2021-02-25

Como Citar

EZIDIO, T., ALVES, D. da S., LUCAS, L. B. ., & POLETTO, R. de S. . (2021). A educação ambiental em curso formativo: uma proposta para a formação de jovens do ensino médio por meio das artes. Revista ELO – Diálogos Em Extensão, 10. https://doi.org/10.21284/elo.v10i.11373

Edição

Seção

Artigos