Desterritorialização Produtiva e Mudanças no Marajó: Arrecadação, Desemprego e Violência na Cidade de Breves (Pará-Brasil)

Autores

DOI:

https://doi.org/10.31423/oikos.v31i2.8788

Palavras-chave:

Município de Breves, Desestruturação Produtiva, Dinâmicas Socioterritoriais, Criminalidade.

Resumo

Após o fechamento das grandes madeireiras no Município de Breves, houve a mudança em grande proporção da população do meio rural para a cidade o que ocasionou um número significativo de famílias desempregadas e o aumento na distinção entre campo e cidade. Os problemas econômicos e sociais influenciaram grandemente o desenvolvimento da região de Breves/Marajó/Pará. Este texto traz a caracterização de Breves apresentando uma visão geral do município, seus aspectos econômicos e sociais. Este trabalho busca analisar as modificações socioterritoriais que ocorreram no município de Breves (Marajó-Pará-Brasil) nos últimos anos. Para que o debate aqui proposto fosse realizado foi necessária uma pesquisa bibliográfica e visitas a campo, além de pesquisas em órgãos públicos que disponibilizam dados de população e criminalidade desse município. Breves vem passando por modificações significativas nos últimos anos, principalmente devido ao declínio da atividade madeireira e o surgimento de “novos objetos” (inúmeros estabelecimentos comerciais e de serviços, penitenciária, etc.) que vem alterando a dinâmica urbana e refletindo diretamente no modo de vida da população.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2020-08-22

Como Citar

Alves, O. J. A., da Silva, C. N., Reis, J. F. G., & da Silva Caetano, V. N. (2020). Desterritorialização Produtiva e Mudanças no Marajó: Arrecadação, Desemprego e Violência na Cidade de Breves (Pará-Brasil). Oikos: Família E Sociedade Em Debate, 31(2), 406 - 427. https://doi.org/10.31423/oikos.v31i2.8788