O significado da casa própria para os beneficiários do Programa Minha Casa Minha Vida em Viçosa, MG

Eliane Aparecida Guimarães, Neide Maria de Almeida Pinto

Resumo


Analisou-se, neste trabalho, que é parte da pesquisa de mestrado em Economia Doméstica, realizada no período de 2012/2013 na cidade de Viçosa-MG, o processo de implantação do Programa Habitacional Minha Casa Minha Vida (PMCMV), direcionado para a população de baixa renda no município. Este trabalho tem por objetivo apresentar o significado da aquisição da casa através desse Programa na perspectiva das famílias beneficiárias. É um estudo com abordagem mista, cujos resultados foram obtidos a partir de entrevistas semiestruturadas realizadas individualmente com os beneficiários. A casa própria é o sonho do brasileiro, porém através da produção de mercado, a população de baixa renda foi e é preterida de ter acesso a tal bem, realidade esta que se arrasta por vários anos. Em 2009, o PMCMV surge com a proposta de atender, de fato, a essa população. No caso de Viçosa, até o momento, 335 famílias foram beneficiadas. Nessa realidade é possível perceber a satisfação dos beneficiários na aquisição da casa, trazendo à tona vários significados positivos, o que não afasta a percepção destes sobre a realidade local a que estão submetidos.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais