Uso da contextualização socioambiental para abordar a chuva ácida no ensino de química por meio de uma sequência didática

Autores

DOI:

https://doi.org/10.47328/rpv.v11i02.14810

Palavras-chave:

Sequência Didática, Ensino de Química, Contextualização socioambiental, Alfabetização científica

Resumo

Este trabalho foi desenvolvido no âmbito do Mestrado Profissional em Química em Rede Nacional (PROFQUI), no polo da Universidade Federal de Viçosa, com objetivo de elaborar e analisar uma Sequência Didática (SD) abordando o conteúdo de Chuva Ácida e os efeitos socioambientais dela decorrentes. O público-alvo foi alunos do primeiro ano do Ensino Médio de uma escola pública no município de Bom Despacho (MG). Procuramos com o trabalho promover a alfabetização científica a partir de uma contextualização socioambiental, além de avaliar algumas das possíveis diferenças na aprendizagem entre as modalidades presencial e remota. No decorrer da SD a contextualização foi articulada por meio de experimentos, vídeos do YouTube, imagens relacionadas à temática em estudo e reportagens que descreviam os danos ambientais provocados pela Chuva Ácida. Como o trabalho foi desenvolvido no período da pandemia da Covid-19, a pesquisa ocorreu em formato híbrido, sendo que a transmissão para os alunos remotos se deu pela plataforma Google Meet. Para avaliar o processo de aprendizagem, aplicou-se uma atividade com questões relacionadas ao conteúdo, nos permitindo verificar que os índices de acertos entre os alunos remotos e os presenciais não tiveram diferenças significativas. Na última etapa da SD, todos os alunos responderam a um questionário aberto, buscando avaliar a metodologia utilizada. Os resultados indicaram o apreço deles pela metodologia utilizada, com destaque para o dinamismo das aulas e a possibilidade de vivenciarem uma experiência de aplicação prática dos conteúdos de Química. Diante dos dados levantados, consideramos que a SD favoreceu a aprendizagem dos alunos que acompanharam as aulas de forma remota e presencial, além de promover a alfabetização científica e o desenvolvimento do pensamento crítico para atuarem na sociedade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ANDRADE, R. S.; VIANA, K. S. L. Atividades experimentais no Ensino de Química: distanciamentos e aproximações da avaliação de quarta geração. Ciência e Educação, v. 23, n. 2, p. 507-522, 2017.

BRASIL. Parâmetros Curriculares Nacionais: Ensino Médio, Bases Legais. Brasília: MEC, 1999.

CHASSOT, A. Alfabetização Científica: questões e desafios para a educação. Ijuí, Editora Unijuí, 2000.

G1. Cetesb confirma que Chuva Ácida atingiu Cubatão após vazamento. G1 Santos. 2015. Disponível em: https://g1.globo.com/sp/santos-regiao/noticia/2015/01/cetesb-confirma-que-chuva-acida-atingiu-cubatao-apos-vazamento.html. Acesso em 02 de dez.2021.

HISING, E.; LINJARDI, F. Chuva ácida e poluição matam peixes no Rio Pirapó, em Maringá, diz IAP. G1 Paraná. Maringá. 2017. Disponível em: https://g1.globo.com/pr/norte-noroeste/noticia/chuva-acida-e-poluicao-matam-peixes-no-rio-pirapo-diz-iap.ghtml. Acesso em 02 de dez.2021.

OLIVEIRA, M. M. de. Sequência didática interativa no processo de formação de professores. Petrópolis, RJ: Vozes, 2013.

SANTOS, W. L. P. dos; MÓL, G. de S.Química Cidadã 1o ano Ensino Médio. 2. ed. São Paulo: Editora AJS, 2013.

SANTOS, W. L. P. dos; SCHNETZLER, R. P. Educação em Química: Compromisso com a cidadania. Ijuí: Ed. Unijuí. 2010, 160 p.

SILVA, S. A. Elaboração e avaliação de material didático para apoio no ensino de cálculo estequiométrico em um curso técnico de química. 2015. 86 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Química) – Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, RS, 2015.

THENÓRIO, I. Faça chuva ácida em casa! Manual do Mundo. 2014. Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=IEMjO01xm_4. Acesso em 02 de Dez.2021.

THENÓRIO, I. Por que cebola faz chorar? Vlog Manual do Mundo. 2014. Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=MflU1w8zP_0&t=4s. Acesso em 30 de Nov.2021.

VIANA, K. S. L. Avaliação da experiência: uma perspectiva de avaliação para o ensino das ciências da natureza. 2014. 202 f. Tese (Doutorado em Ensino das Ciências) – Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2014.

WOLKE, R. L. O que Einstein disse ao seu cozinheiro. V. 2, Ed. Zahar, 2005.

ZABALA, A. A prática Educativa: Como Ensinar. Porto Alegre, Artmed, 1998.

Downloads

Publicado

01-11-2022

Como Citar

DOMINGOS DA SILVA, F. .; CATAO DE ASSIS SOUZA, V.; SILVA, D. de J. Uso da contextualização socioambiental para abordar a chuva ácida no ensino de química por meio de uma sequência didática. Revista Ponto de Vista, [S. l.], v. 11, n. 2, p. 01–17, 2022. DOI: 10.47328/rpv.v11i02.14810. Disponível em: https://periodicos.ufv.br/RPV/article/view/14810. Acesso em: 9 dez. 2022.

Edição

Seção

Artigos Científicos