POR UMA OUTRA HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO (POPULAR)

  • Kelma Beltrão UFPE
Palavras-chave: educação popular, história da educação, história da educação popular.

Resumo

A intenção desse estudo é apresentar refl exões sobre as interpretações históricas da educação em Recife (PE), que retratam o período de 1956-1964. É nesse período que se constituem as bases da Educação Popular e, comumente, estudos são utilizados como referência no “esclarecimento” sobre essa história. Elegemos aqui alguns desses estudos, bem como documentos (jornais, mensagens ofi ciais) com o propósito de fazermos algumas considerações.
Procuramos demonstrar que determinadas orientações teóricas utilizadas e algumas explicações a partir das fontes históricas podem ter conduzido a História da Educação Popular a alguns limites. A nossa proposta é suscitar, a partir dessas revisões, a necessidade de outras interpretações históricas sobre a Educação (Popular). Tomando como objeto “o povo”, ou melhor, a “ideia de povo” entre os intelectuais de Recife durante esse período, demonstramos, ao fi nal do texto, que pode existir outra possibilidade ao “construirmos” a
História da Educação (Popular).

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2010-08-25
Como Citar
Beltrão, K. (2010). POR UMA OUTRA HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO (POPULAR). Educação Em Perspectiva, 1(1). https://doi.org/10.22294/eduper/ppge/ufv.v1i1.8
Seção
Artigos