Contexto socio-histórico do consumo de alimentos: das práticas de consumo para sobrevivência nas sociedades pré-capitalista ao consumo de alimentos como direito humano na contemporaneidade

Mônica Gomes da Silva, Joseana Maria Saraiva

Resumo


As práticas de consumo de alimentos na história da sociedade desempenham papel importante desde épocas remotas. Do consumo de alimentos para sobrevivência nas sociedades pré-históricas ao consumo de alimentos como direito humano na sociedade contemporânea, um longo processo foi percorrido. Este estudo tem por objetivo refletir questões centrais acerca deste processo, na perspectiva de compreender os avanços e os retrocessos que o conformam na sociedade de consumo contemporânea, considerando o contexto das relações econômicas, políticas, sociais e culturais. Trata-se de pesquisa teórica, para a qual utilizou-se de revisão bibliográfica, valendo-se das contribuições dos diversos autores que tratam do assunto. Os resultados mostram a trajetória política, econômica, social e cultural das práticas de consumo alimentar, a partir da pré-história, e o desenvolvimento das ações de Segurança Alimentar e Nutricional, destacando as inter-relações do processo e suas contradições na efetivação do direito humano à alimentação adequada.


Palavras-chave


Práticas de consumo; Segurança alimentar e nutricional, Políticas públicas

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.31423/2236-8493.v29i1.364

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Oikos: Família e Sociedade em Debate

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.



Periódico do Programa de Pós-Graduação em Economia Doméstica - PPGED

Universidade Federal de Viçosa - UFV

www.oikos.ufv.br

ISSN: 2236-8493

Contato:
revistaoikos@ufv.br
(31)3899-2488


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.