USO DE DETERGENTE À BASE DE CARQUEJA (BACCHARIS TRIMERA) COMO ALTERNATIVA PARA A LIMPEZA DE EQUIPAMENTOS DA ORDENHA

  • Anelise Kehl Especialista em Segurança Alimentar e Agroecologia, Universidade Estadual do Rio Grande do Sul – UERGS, Unidade em Três Passos.
  • Divanilde Guerra Engenheira Agrônoma. Professora Adjunta. Universidade Estadual do Rio Grande do Sul – UERGS, Unidade em Três Passos. https://orcid.org/0000-0003-2959-6875
  • Mastrangello Enivar Lanzanova Engenheiro Agrônomo. Professor Adjunto. Universidade Estadual do Rio Grande do Sul – UERGS, Unidade em Três Passos.
  • Danni Maisa Da Silva Engenheira Agrônoma. Professora Adjunta. Universidade Estadual do Rio Grande do Sul – UERGS, Unidade em Três Passos.
  • Eduardo Lorensi De Souza Engenheiro Agrônomo. Professor Adjunto. Universidade Estadual do Rio Grande do Sul – UERGS, Unidade em Três Passos.
  • Robson Evaldo Gehlen Bohrer Engenheiro Ambiental. Professor Adjunto. Universidade Estadual do Rio Grande do Sul – UERGS, Unidade em Três Passos.
  • Talia Talita Senh Discente do Curso de Bacharelado em Agronomia. Universidade Estadual do Rio Grande do Sul – UERGS, Unidade em Três Passos.
Palavras-chave: Contagem Bacteriana Total, Leite, Sistemas de ordenha, Desinfetante.

Resumo

No Brasil à qualidade do leite vem se destacando em toda a cadeia produtiva, desde o produtor até o consumidor final. Desta forma, o objetivo do presente trabalho foi avaliar o uso do detergente alcalino e desinfetante à base de carqueja (Bacharis Trimera) como alternativa para a limpeza e sanitização diária dos equipamentos de ordenha em comparação ao detergente alcalino químico. O trabalho foi desenvolvido no Município de Bom Progresso/RS no período de julho de 2015 a agosto de 2016 em quatro propriedades rurais, sendo os agricultores denominados como Agricultor 1 (A1), Agricultor 2 (A2), Agricultor 3 (A3) e Agricultor Testemunha (T). A metodologia consistiu na avaliação da Contagem de Bactérias Total (CBT) do leite cru, a qual ocorreu pelo acompanhamento dos boletins de análise do leite fornecidos mensalmente pelas indústrias comerciantes. Como resultado, observou-se que o detergente à base de carqueja é um produto que possui propriedades de limpeza e sanitização semelhantes aos produtos convencionais. Portanto, o detergente a base de carqueja pode ser uma alternativa nos sistemas de produção de leite.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ANDRADE, N.J.; PINTO, C.L.O. Higienização na indústria de alimentos. Viçosa: CPT, 1999.

ARCURI, E.F.; BRITO, M.A.V.P.; BRITO, J.R.F. PINTO, S.M.; ÂNGELO, F.F.; SOUZA, G.N. Qualidade microbiológica do leite refrigerado nas fazendas. Arquivo Brasileiro de Medicina Veterinária e Zootecnia, v. 58, p. 440-446, 2006.

AVANCINI, C.A.M.; WIEST, J.M.; MUNDSTOCK, E. Atividade bacteriostática e bactericida do decocto de Baccharis trimera (Less.) D.C., Compositae, carqueja, como desinfetante ou antisséptico. Arquivo Brasileiro de Medicina Veterinária e Zootecnia, v. 52, n.3, p. 230-234, 2000.

BAVA, L.; ZUCALI, M.; BRASCA, M.; ZANINI, L.; SANDRUCCI, A. Efficiency of cleaning procedure of milking equipment and bacterial quality of milk. Italian Journal of Animal Science, v. 8, n.2, p. 387-389, 2009.

BEHMER, M.L.A. Tecnologia do leite. 13. ed. São Paulo: Noel, 1999.

BRASIL. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Secretaria de Defesa Agropecuária. Instrução normativa n° 62, de 29 de dezembro de 2011. Regulamento Técnico de Produção, Identidade e Qualidade do Leite. Brasília, 2011. Disponível em: <http://www.apcbrh.com.br/files/IN62.pdf>. Acesso em: 05 set. 2018.

BRITO, J.R. F. de; SOUZA, G.N. de; FARIA, C.G. de; MORAES, L.C.D. de; RODRIGUES, M. de C. Procedimentos para coleta e envio de amostras de leite para determinação da composição e das contagens de células somáticas e de bactérias totais. Circular Técnica da Embrapa, Juiz de Fora, MG. 2015.

BUENO, V.F.F.; MESQUITA, A.J.O de; OLIVEIRA, A.N.; NICOLAU, E.S.; NEVES, R.B.S. Contagem bacteriana total do leite: relação com a composição centesimal e período do ano no Estado de Goiás. Revista Brasileira de Ciência Veterinária, v. 15, n. 1, p. 40-44, 2008.

CERQUEIRA, M.M.O.P. Qualidade da água e seu impacto na qualidade microbiológica do leite. Revista Leite Integral, v. 7, p. 54-61. 2007.

FONSECA, L.F.L. Qualidade do leite e sua relação com equipamento de ordenha e sistema de resfriamento. In: SIMPÓSIO INTERNACIONAL SOBRE QUALIDADE DO LEITE, n. 1. Curitiba, 1998.

GARCIA, O. J. P.; LUNARDI, J. Práticas alternativas de prevenção e controle das doenças dos bovinos. Porto Alegre: EMATER-RS/ASCAR, 2001.

GLIESSMAN, S.R. Agroecologia: processos ecológicos em agricultura sustentável. 2. ed. Porto Alegre: UFRGS, 2000. 653p.

HOFFMANN, F.L.; COELHO, A.R.; MANSOR, A.O.; VINTURIM, T.M. Avaliação da atividade antimicrobiana “in vitro” de dois agentes sanificantes de uso industrial. Higiene Alimentar, v. 16, n. 94, p. 62-67, 2002.

IBGE – INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA. Indicadores: estatísticas de produção pecuária. Brasília, 2014. Disponível em: <http://www.ibje.org.br/pdf>. Acesso em: 05 set. 2018.

LEITE, M.O.; ANDRADE, N.J.; SOUZA, M.R.; FONSECA, L.M.; CERQUEIRA, M.M.O.P.; PENNA, C.F.A.M. Controle de qualidade da água em indústrias de alimentos. Revista Leite e Derivados, v. 69, p. 01-06, 2003.

LORENZI, H.E.; MATOS, F.J.A. Plantas medicinais no Brasil: nativas e exóticas. 2. ed. São Paulo: Instituto Plantarum, 2002. 512p.

MARTINS, M.C. Competitividade da cadeia produtiva do leite no Brasil. Revista de Política Agrícola, n. 3, P. 38-51, 2004.

MENDONÇA, L.C.; GUIMARÃES, A.S.; BRITO, M.A.V.P. Higienização do equipamento de ordenha mecânica. Circular Técnico da Embrapa, Juiz de Fora, MG. 2012.

SANTOS, A.A.M. VEROTTI, M.P.; SANMARTIN, J.A.; MESIANO, E.R.A.B. Importância do álcool no controle de infecções em serviços de saúde. Revista de Administração em Saúde, v. 4, n. 16, p. 7-14, 2002.

SANTOS, M.V.; FONSECA, L.F.L. Estratégias para o controle de mastite e melhoria da qualidade do leite. São Paulo: Manole, 2007. 314p.

SCHUCH, L.F.D.; WIEST, J.M; COIMBRA, H.S. Cinética da atividade antibacteriana in vitro de extratos naturais frente a microrganismos relacionados à mastite bovina. Ciência Animal Brasileira, v.9, n.1, p. 161-169, 2008.

VELLOSO, C.C.; PEGLOW, K. Plantas medicinais. Porto Alegre: EMATER-RS/ASCAR, 2003. 83p. (Coleção Aprendendo a Fazer Melhor).

ZUCALI, M.; BAVA, L.; TAMBURINI, A.; BRASCA, M.; VANONI, L.; SANDRUCCI, A. Effects of season, milking routine and cow cleanliness on bacterial and somatic cell counts of bulk tank milk. Journal of Dairy Research, v. 78, p. 436-441, 2011.

Publicado
2020-03-03
Como Citar
Kehl, A., Guerra, D., Lanzanova, M. E., Da Silva, D. M., De Souza, E. L., Bohrer, R. E. G., & Senh, T. T. (2020). USO DE DETERGENTE À BASE DE CARQUEJA (BACCHARIS TRIMERA) COMO ALTERNATIVA PARA A LIMPEZA DE EQUIPAMENTOS DA ORDENHA. Revista Brasileira De Agropecuária Sustentável, 9(04), 110-118. https://doi.org/10.21206/rbas.v9i04.8458