A escola sob o olhar das crianças que frequentam um ambiente construtivista

  • Bethania Assis Costa Universidade Federal de Viçosa
  • Maria de Lourdes Mattos Barreto Universidade Federal de Viçosa Docente do Departamento de Economia Doméstica

Resumo

Este artigo apresenta parte de uma pesquisa sobre as representações de escola em crianças na educação infantil. Os dados analisados referem-se às ideias de crianças entre 5 e 6 anos de idade, que frequentam um ambiente escolar construtivista, sobre a escola. O método utilizado na pesquisa foi o Método Clínico, e os dados foram coletados por meio de entrevista clínica. Os dados obtidos sofreram análise qualitativa e as respostas dos sujeitos agrupadas em subcategorias. Os resultados demonstram que as crianças compreendem a escola a partir dos aspectos que podem ser observados diretamente no contexto escolar. Suas explicações estão baseadas no que tem na escola, aspectos físicos e/ou humanos; no que se faz na escola, atividades e rotina; bem como os sentimentos e vivências em relação à instituição. As representações das crianças também ressaltam a importância do brincar e dos espaços externos como elementos que não podem faltar em uma boa escola.

Palavras-Chave: Representação de escola; conhecimento social; ambiente escolar.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Bethania Assis Costa, Universidade Federal de Viçosa
Licenciada em Educação Infantil pela Universidade Federal de Viçosa, Mestranda do curso de Pós-Graduação em Economia Doméstica da Universidade Federal de Viçosa
Maria de Lourdes Mattos Barreto, Universidade Federal de Viçosa Docente do Departamento de Economia Doméstica
Doutora em Educação pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), Docente do Departamento de Economia Doméstica da Universidade Federal de Viçosa

Referências

BARRETO, M. L. M. Procedimentos de Representação Gráfica da Quantidade em crianças de 4 a 6 anos de idade: uma perspectiva piagetiana. Tese de Doutorado. Faculdade de Educação da Universidade Estadual de Campinas – UNICAMP. Campinas, 2001.

CANTELLI, V. C. B. Um estudo psicogenético sobre as representações de escola em crianças e adolescentes. Dissertação de Mestrado. Faculdade de Educação da UNICAMP. Campinas, 2000.

DELVAL, J. Crescer e Pensar: a construção do conhecimento na Escola. Porto Alegre: Artmed, 1998.

DELVAL, J. Introdução à Prática do Método Clínico: descobrindo o pensamento das crianças. Porto Alegre: Artmed, 2002.

MARTINS, R. de. C. A organização do espaço na educação infantil: o que contam as crianças? Curitiba, 2010 (Dissertação de Mestrado).

OLIVEIRA, A. M. R. de. Do outro lado: a infância sob o olhar de crianças no interior da creche. Dissertação de Mestrado. Centro de Ciências da Educação da Universidade Federal de Santa Catarina, 2001.

PIAGET, J. A Representação do Mundo na Criança. São Paulo: Ideias & Letras, 1926/2005.

SARAVALI, E. G.; GUIMARÃES, T. Ambientes Educativo e Conhecimento Social: um estudo sobre as representações de escola. Educação em Revista. v.26. nº 01. Abril. Belo Horizonte: UFMG, 2010. p. 157-184.
Publicado
2012-12-13
Como Citar
Assis Costa, B., & Mattos Barreto, M. de L. (2012). A escola sob o olhar das crianças que frequentam um ambiente construtivista. Oikos: Família E Sociedade Em Debate, 23(2), 205-227. Recuperado de https://periodicos.ufv.br/oikos/article/view/3650
Seção
Artigos