LGBT RIGHTS ARE HUMAN RIGHTS: SOCIAL WORK AND THE FIGHT AGAINST THE LGBTPHOBIC DISCOURSE OF “GAY CURE”

Autores

DOI:

https://doi.org/10.18540/revesvl3iss3pp0162-0177

Palavras-chave:

Human rights. LGBTphobia. Social Work. Critical Discourse Analysis. Rhetoric.

Resumo

This paper proposes to critically examine the LGBTphobic comments of social workers against the content of the video For Social Work there is no "gay cure", created by the Brazilian Federal Council of Social Work (CFESS). Thus, based on the theoretical and methodological principles of Critical Discourse Analysis (CDA), this research investigates how the construction of meanings of the arguments made in those prejudiced posts proceeds. CDA proposes to describe, interpret and disseminate how forms of power, domination and social inequality are (re)produced in discursive practices, in their socio-political and cultural contexts. More particularly, this study turns its attention to the rhetorical appeals of ethos and pathos observed in those statements that were favorable to the proposition of therapies for sexual (re)orientation ("gay cure"), thus reproducing the hate speech, stigmatization and discrimination against the human rights of the members of the gender and sexuality diverse community. The findings can be arranged into five analytical categories: the cis-hetero-compulsory rhetoric, the "freedom of thought" rhetoric, the "right to choose" rhetoric, the neoconservative rhetoric and the religious rhetoric.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Leonardo Mozdzenski, Universidade Federal de Pernambuco

Leo Mozdzenski é doutor em Comunicação pelo Programa de Pós-Graduação em Comunicação da Universidade Federal de Pernambuco (PPGCOM/UFPE) e doutor em Linguística pelo Programa de Pós-Graduação em Letras da mesma instituição (PPGL/UFPE). Atualmente, é pós-doutorando do Programa de Pós-Graduação em Direitos Humanos da UFPE (PPGDH/UFPE). É bacharel em Economia, licenciado em Letras (Português/Inglês), mestre em Linguística e possui especialização em Leitura, Compreensão & Produção Textual, todos cursados na UFPE. É autor das obras Multimodalidade e gênero textual (Ed. UFPE), Outvertising: a publicidade fora do armário (Ed. Appris) e Direitos humanos, políticas públicas e mudança social: diálogos e tensionamentos (Ed. Pimenta Cultural).  

Albert de Albuquerque, Universidade Federal de Pernambuco

Albert de Albuquerque é aluno de graduação do curso de Serviço Social na Universidade Federal de Pernambuco. Possui curso de extensão "Serviço Social em Pernambuco: 1940-1970" e minicurso em "História dos Ativismos LGBT no Brasil". Possui como áreas de interesse projetos e pesquisas em direitos humanos, trabalho, população LGBT, bem como políticas públicas direcionadas às minorias sociais e grupos socialmente vulneráveis.

Downloads

Publicado

2020-06-20

Como Citar

MOZDZENSKI, L.; ALBUQUERQUE, A. de. LGBT RIGHTS ARE HUMAN RIGHTS: SOCIAL WORK AND THE FIGHT AGAINST THE LGBTPHOBIC DISCOURSE OF “GAY CURE”. REVES - Revista Relações Sociais, [S. l.], v. 3, n. 3, p. 0162-0177, 2020. DOI: 10.18540/revesvl3iss3pp0162-0177. Disponível em: https://periodicos.ufv.br/reves/article/view/10528. Acesso em: 22 out. 2020.

Edição

Seção

General Papers/Artigos