Impactos do programa Bolsa Família em Muriaé/MG: mudanças e permanências

Grasiele Costa dos Santos Fortini, Maria das Dores Saraiva de Loreto, Douglas Mansur da Silva

Resumo


RESUMO

A pesquisa, baseada em um estudo de caso, teve como objetivo avaliar os programas de transferência de renda, especificamente o Programa Bolsa Família (PBF), suas mudanças e implicações na redução da pobreza e empoderamento das famílias, no contexto do território de abrangência do município de Muriaé/MG. Metodologicamente fez uso de pesquisa bibliográfica e documental, além de entrevista semiestruturadas junto a famílias beneficiárias. Resultados mostraram que, na percepção das famílias, o programa é entendido como Bolsa Escola, tendo como contribuição o impedimento de situações de fome. Na realidade de Muriaé, o PBF prioriza a transferência de renda, razão por que as chances de ser considerado “portas de saída da pobreza e da exclusão social” são limitadas. Conclui-se que o programa não conduziu as famílias beneficiárias ao empoderamento, para que o peso da pobreza e da exclusão, corporificado nas experiências vividas, fosse substituído por práticas cidadãs, num contexto de inclusão social.

Palavras-chave: Programa Bolsa Família; implicações; Empoderamento.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais