Efeitos e resultados da prática de economia solidária na qualidade de vida dos associados da usina de triagem e reciclagem de Viçosa, MG

  • Patrícia Ferraz do Nascimento
  • Vanessa Aparecida Moreira de Barros Universidade Federal de Viçosa
  • Alessandra Vieira de Almeida Universidade Federal de Viçosa
  • Karla Maria Damiano Teixeira Universidade Federal de Viçosa

Resumo

Na sociedade contemporânea, as relações de trabalho acontecem segundo ocapitalismo. Diante disso, nasce a economia solidária como um modo de produção edistribuição alternativo. Assim, tornam-se necessárias e importantes pesquisas queestudem as famílias atendidas pela Economia Solidária. Em geral, objetivou-se avaliar aviabilidade e resultados da prática da Economia Solidária como instrumento de geraçãode recursos e da melhoria da qualidade de vida das famílias dos membros da Associaçãodos Catadores de Materiais Recicláveis de Viçosa, MG. A amostra foi composta por 12associados. A coleta de dados deu-se por meio de documentos e entrevistassemiestruturadas. Como resultado, verificou-se que a Economia Solidária por si só nãofoi capaz de melhorar a qualidade de vida, sendo a renda obtida mínima, porém sem elaas famílias estariam em situação econômica ainda pior.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Patrícia Ferraz do Nascimento
Mestranda em Extensão Rural na Universidade Federal de Viçosa
Vanessa Aparecida Moreira de Barros, Universidade Federal de Viçosa
Estudante de Economia Doméstica na Universidade Federal de Viçosa
Alessandra Vieira de Almeida, Universidade Federal de Viçosa
Estudante de Economia Doméstica na Universidade Federal de Viçosa
Karla Maria Damiano Teixeira, Universidade Federal de Viçosa
Ph. D. em Family Ecology pela Michigan State University, EUA, e professora do Departamento deEconomia Doméstica da Universidade Federal de Viçosa

Referências

CARTA de Princípios. 2 de mai. 2005. Disponível em:
0>. Acesso em: 24 abr. 2008.

CATANI, A. D. As desigualdades ampliadas e a construção de alternativas. Porto Alegre: UFRGS, 2003.

CEBOTAREV, E. Qualidade de vida da família rural. In: SEMINÁRIO SOBRE QUALIDADE DE VIDA NO MEIO RURAL, 1992, Recife. Resumos... Recife: SAG/EMATER/IICA, 1982.

DAMIANO TEIXEIRA, K. M. Aspectos relacionados á qualidade de vida do servidor da UFV-MG. OIKOS: Revista Brasileira de Economia Domestica, v. 12, n. 2, p. 122, 2000.

DIAS, S. M. Lixo e cidadania: os impactos da política de resíduos sólidos de Belo Horizonte no mundo do trabalho do catador da ASMARE. In: ENCONTRO DA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ESTUDOS POPULACIONAIS, 13., 2002, Ouro
Preto. Resumos... Ouro Preto, MG, 2002. 24 p.

FERREIRA, D. R. As diversas visões do lixo. 2005. 160 f. Dissertação (Mestrado em Ciência Ambiental) – Universidade Federal Fluminense, Niterói, RJ, 2005.

FRAGA, A. B. O trabalho de quem vive do Lixo: desigualdade social e suas dimensões simbólicas. LABORE: Laboratório de Estudos Contemporâneos. Polêmica: Revista Eletrônica, Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, p. 5, 2005.

FRANÇA, FILHO, G. C.; LAVILLE, J. Economia solidária: uma abordagem internacional. Porto Alegre: UFRGS, 2004. 199 p.

FLECK, M. P. de A.; LEAL, O. F.; LOUZADA, S.; XAVIER, M.;
CHACHAMOVICH, E.; VIEIRA, G.; SANTOS, L. dos; PINZON, V. Desenvolvimento da versão em português do instrumento de avaliação de qualidade de vida da OMS (WHOQOL-100). Revista Brasileira de Psiquiatria, v. 21, n. 1, 1999. Disponível em:. Acesso em: 24 jun. 2011.

GAIGER, L. I. Sentidos e experiências da economia solidária. Porto Alegre: UFRGS, 2004. 417 p.

GONÇALVES, M. A. O trabalho no lixo. 2006. 310 f. Tese (Doutorado em Geografia da Faculdade de Ciências e Tecnologia) – Universidade Estadual Paulista, Presidente
Prudente, SP, 2006.

HERCULANO, S. C. A qualidade de vida e seus indicadores. Niterói: Eduff, 2000. IBGE. Dados.Disponivel em: . Acesso em: 24 jun. 2008.

ITCP/USP. UM pouco sobre a economia solidária no Brasil. 7 abr. 2007. Disponível em: . Acesso em: 12 abr.
2008.

KEMP, V. H.; SILVA, A. P.; ASSIS, D. A. R. de; TOLEDO, I. D.; COUTO, L. E. Construção de autonomia em um empreendimento solidário. [S.l. : s.n.t.].10 p.

LEFTWICH, R. H. O sistema de preços e a alocação de recursos. 6. ed. São Paulo: Pioneira. [s.d.]. 452 p.

LISBOA, A. de M.; FAUSTINO, A. V. Trocas solidárias, moeda e espiritualidade. Florianópolis: Universidade Federal de Santa Catarina. Disponível em: . Acesso em: 24 jul. 2008.

MALASSISE, R. L. S.; ALVES, R. Condições de vida e trabalho na economia solidária e na economia capitalista. Disponível em:. Acesso em: 5 maio 2008.

MOTA, A. V. Do lixo à cidadania. Revista Democracia Viva, n. 27, p. 8, 2005.

NETO, A. L. G. C.; RÊGO, A. R. F. do; LIRA, A.; ARCANJO, J. G.; OLIVEIRA, M. M. de. Consciência ambiental e os catadores de lixo do lixão da cidade do Carpina-PE. Rev. Eletrônica, v. 19, p. 109, jul./ dez. 2007.

NETO, A. M. P.; CONDE, D. M. Qualidade de vida. Revista Brasileira de Ginecologia Obstet., v. 30, n. 11, p. 535-6, 2008. Disponível em: . Acesso em: 24 jun. 2011.

SCARIOT, N.; ACKER, C. H. História de vida e exclusão social: os catadores de lixo reciclável em Ijuí. [S.l. : s.n.t.]. 12 p.

SILVA, M. R. da. Economia solidária, desenvolvimento local e resíduos sólidos: o caso da Associação de Catadores Érick Soares do município de Abreu e Lima/PE. 2006. 183 f. Dissertação (Mestrado em Extensão Rural e Desenvolvimento Local – POSMEX) – Universidade Federal Rural de Pernambuco, Recife, dezembro de 2006.

SILVA, N. M. da; NOLÊTO, T. M. S. J. Reflexões sobre lixo, cidadania e consciência ecológica. Geoambiente on-line: Revista eletrônica do curso de Geografia do Campus Avançado de Jataí-GO. 2004. Disponível em: //www.jatai.ufg.br/geo/geoambiente.htm>. Acesso em: 9 nov. 2009.

SILVA, R. I. H.; SILVA, M. G. H. Projeto “Jangurussu, Reciclando a Vida”: uma Análise socioambiental na visão do catador. João Pessoa, 2007. 7 p.

SINGER, P.; SOUZA, A. R. A economia solidária no Brasil: a autogestão como resposta ao desemprego. São Paulo: Contexto, 2000. 360 p.

SINGER, P. Globalização e desemprego: diagnóstico e alternativas. São Paulo: Contexto, 1998.

VOCABULÁRIO BÁSICO DE MEIO AMBIENTE. FEEMA. 2. ed. Rio de Janeiro: FEEMA, 1990. 246 p. Disponível em: <
http://portalgeo.rio.rj.gov.br/mlateral/glossario/T_Desenvol.htm#q>. Acesso em: 22 jun. 2008.
Publicado
2011-12-15
Como Citar
Nascimento, P. F. do, Barros, V. A. M. de, Almeida, A. V. de, & Damiano Teixeira, K. M. (2011). Efeitos e resultados da prática de economia solidária na qualidade de vida dos associados da usina de triagem e reciclagem de Viçosa, MG. Oikos: Família E Sociedade Em Debate, 22(2), 19-39. Recuperado de https://periodicos.ufv.br/oikos/article/view/3619
Seção
Artigos

Most read articles by the same author(s)